JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 18 de janeiro de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

SAÚDE

Continua depois da publicidade



Sofre com ansiedade ou depressão? Veja 3 dicas que podem ajudar

Segundo a Organização Mundial de Saúde, o Brasil é o país com maior índice de ansiedade do mundo

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

27/01/2020 - 00:00:00. - Por Jefferson Genari

Você tem sentido que sua produtividade diminuiu? Ou que a sua capacidade de se relacionar de maneira saudável com as pessoas está prejudicada? Tem dias que você olha no espelho e a sua autoestima está baixa? Tem sentido sintomas físicos como taquicardia, sudorese, mal estar, dificuldade respiratória, alterações do ritmo do sono e apetite, entre outros? Cuidado! Seu corpo e mente podem estar alertando você. Estes são sintomas comuns em pessoas que sofrem de ansiedade ou depressão.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) estimou que em 2020 a depressão seria a doença mais incapacitante do mundo ainda em 2018. Certamente, estamos perto deste feito. No ano passado, a Organização Afirmou que 18,6 milhões de brasileiros (quase 10%) convivem com uma epidemia de ansiedade. Com esses números alarmantes, todo início de ano é marcado por ações do Janeiro Branco, que têm o objetivo de trabalhar ações de promoção à saúde mental.

Segundo a psicóloga Alessandra Sallum, a vida moderna, as rotinas de trabalho, pouca possibilidade de lazer, falta de atividade física e cuidados com a mente no dia a dia são fatores que contribuem para o desenvolvimento dessas doenças. “Falta o senso de pertencimento à sociedade. Tudo isso contribui para que as pessoas tenham dificuldades para lidar com as sua emoções e a de quem elas se relacionam. Tudo isso traz efeitos negativos para a sociedade”, alerta Alessandra.

MANTENHA-SE ATIVO

Ainda segundo a especialista, a psicologia e psiquiatria são essenciais para tratar a depressão e ansiedade, mas algumas atividades também auxiliam para que o corpo e a mente estejam saudáveis e sãos. “A atividade física, relaxamento e boa alimentação contribuem para um bom funcionamento do organismo. Se o corpo estiver adoecido, a mente também estará enfraquecida de alguma maneira”, diz Alessandra.

 

RELAXE

A terapeuta holística Juliana Árabe indica a prática da meditação para que as pessoas tenham uma expansão da consciência. “Com a prática milenar da meditação, a pessoa aprende a se conhecer melhor, a como agir em cada atitude e momento e a vida vai se tornando mais fácil. Traz benefícios a níveis mental, espiritual e físico”, indica. Ela cita ainda a importância de trabalhar a energia de cada pessoa. “Os Chakras são responsáveis pela energia. É importante que eles estejam alinhados. Com eles alinhados, a pessoa passa a agir com mais calma e menos ansiedade”. Ainda segundo ela, quem está com os Chakras alinhados tende a ter imunidade mais alta, dores de cabeça com menos frequência e maior equilíbrio emocional.

Ela lembra que o estresse está muito grande também para as crianças e que a meditação é uma importante ferramenta de combate à ansiedade para os pequenos. “As crianças se sentem estressadas, principalmente, pela correria dos pais. A meditação faz com que sejam crianças calmas e adultos mais conscientes das suas ações e emoções”, completa Juliana.

CONHEÇA REMÉDIOS NATURAIS

A fitoterapia é considerada uma cura milenar, com medicamentos feitos à base de plantas medicinais. Enézio de Paulo é Fitoterapeuta e conta que as principais procuras que recebe são para pessoas que querem tratar bronquite, gripe, garganta, rins, vermes, menopausa, diabetes, doenças da próstata. Além dessas, a fitoterapia também possui soluções para auxiliar nos tratamentos de depressão e ansiedade.

Enésio conta que uma vantagem desse tipo de medicação é que eles possuem menos efeitos colaterais do que os comuns, comprados em farmácias. Algumas plantas também podem fazer mal se utilizadas de forma incorreta, por isso a importância do aumento das pesquisas e de um profissional capacitado de criar os medicamentos. E só benefícios: segundo Enésio, eles são mais baratos e potentes que os convencionais.

O profissional comenta que quem sofre com depressão e ansiedade acaba desencadeando diversos fatores físicos que podem ser tratados com a fitoterapia. É necessário passar pelo especialista para fazer uma fórmula que trate os sintomas de acordo com o que a pessoa estiver sentindo.

Precisa de auxílio psicológico? Saiba como acessar os serviços oferecidos pela prefeitura de Uberaba

 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia