JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 30 de março de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Internauta cobra o funcionamento da ETE Conquistinha

A estação foi inaugurada em novembro do ano passado, mas, em vídeo compartilhado na internet, a estrutura aparece sem operação

- Por Gisele Barcelos Última atualização: 24/01/2018 - 22:11:52.

Início efetivo do funcionamento da ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) Conquistinha é cobrado nas redes sociais. A estação foi inaugurada em novembro do ano passado, mas, em vídeo compartilhado na internet, a estrutura aparece sem operação e já com diversas rachaduras.

Ex-candidato a prefeito, o empresário Gledston Moreli utilizou equipamento para fazer imagens aéreas da ETE Conquistinha e publicou o vídeo nas redes sociais. Segundo ele, foram registradas rachaduras e trincas na estrutura de concreto das lagoas de captação e decantação da ETE.

Além de questionar as condições de conservação da estrutura, Moreli também argumenta que a estação estaria aparentemente parada e contesta a cobrança da taxa de esgoto. “Nós pagamos pelo tratamento do esgoto e não está sendo tratado”, disse, solicitando que o caso seja fiscalizado por vereadores e pelo Ministério Público.

Em resposta às declarações, o presidente do Codau, Luiz Guaritá Neto, manifestou que, na época da inauguração da ETE Conquistinha, já havia sido comunicado que a unidade ficaria um período em fase de testes operacionais e a etapa está em andamento. “Tem a colônia de bactérias que precisa ser formada, a partir da qual teremos o tratamento de esgoto”, posicionou.

Quanto às rachaduras no concreto, Neto justificou que o surgimento das fissuras era previsto e está dentro do normal porque faz parte do processo de estabilização da estrutura.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia