JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 22 de janeiro de 2022 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Continua depois da publicidade



Em Uberaba, ministro Fábio Faria desvia de especulações sobre ser vice de Bolsonaro

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

03/12/2021 - 00:00:00. - Por Gisele Barcelos Última atualização: 03/12/2021 - 06:37:32.

 

Cotado para o posto de vice de Jair Bolsonaro, o ministro das Comunicações, Fábio Faria (PSD), esquivou-se de falar sobre as especulações em torno do nome para compor a chapa nas eleições de 2022.

Os rumos sobre a indicação de Faria para o posto de vice se arrastam desde maio. Durante a filiação do presidente ao PL na terça-feira (30), o nome voltou a ser lembrado por Flávio Bolsonaro. Ele manifestou que o ministro das Comunicações era um excelente quadro.

As especulações se intensificam ainda mais porque o ministro está de mudança confirmada para o PP. Extraoficialmente, a informação é que o acordo de Bolsonaro com o presidente do PL, Valdemar da Costa Neto, prevê que o candidato a vice será indicado pelo PP.

Em Uberaba ontem, Faria informou que aguarda apenas o início da janela partidária em março do ano que vem para oficializar a troca de sigla. Questionado, ele defendeu que a mudança não está relacionada às articulações para o posto de vice.

Segundo o ministro, a decisão de trocar o PSD pelo PP foi tomada há seis meses porque a atual sigla decidiu pelo lançamento de candidatura própria à Presidência. Ele afirma ser um apoiador de Bolsonaro e, por isso, acertou a mudança com a liderança do PSD.

A reportagem do Jornal da Manhã também questionou se convite para compor a chapa com Bolsonaro havia sido formalizado. Acompanhando a entrevista, o secretário executivo do Ministério da Agricultura e apoiador, Marcos Montes (PSD), interrompeu a resposta e declarou que a conversa sempre existe.

Por outro lado, o ministro desconversou sobre ao assunto. “Estou trabalhando para me candidatar a ser um grande ministro e cumprir minhas missões”, disse, encerrando a entrevista.

Bolsonaro já sinalizou que deve procurar um substituto para Hamilton Mourão. A solução deve vir de algum dos 22 ministérios do governo. Depois de cogitar Tereza Cristina (titular da Agricultura), Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e Damares Alves (titular da Mulher, Família e Direitos Humanos), a bola da vez é o ministro das Comunicações.

Apesar de estar há menos tempo no governo do que os outros ministros, Faria ganhou bastante prestígio com Bolsonaro. Nos últimos meses, o deputado federal licenciado tornou-se notório na defesa do Presidente contra as críticas por conta da pandemia da Covid-19. 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia