JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 21 de setembro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

"Minas Consciente" permite que feiras livres sigam funcionando normalmente

12/08/2020 - 07:00:47. - Por Gisele Barcelos Última atualização: 12/08/2020 - 13:26:17.


Contrariando informações iniciais da prefeitura, governo mineiro informa que feiras livres podem funcionar normalmente na cidade. Em resposta ao Jornal da Manhã, o Estado informou que o segmento é considerado serviço essencial e está liberado desde a primeira etapa (onda vermelha) do programa Minas Consciente.

De acordo com o governo estadual, as feiras livres se enquadram como atividades ligadas à fabricação e comercialização de alimentos, sendo liberadas já na onda vermelha e podem funcionar seguindo todas as orientações do protocolo do plano gradual de reabertura da economia. 

Uberaba e demais cidades do Triângulo Sul estão na segunda etapa (onda amarela) do “Minas Consciente”. Por isso, não há qualquer impedimento para a operação das feiras livres como já ocorria na cidade desde o fim de março.

A reportagem ouviu o secretário municipal de Desenvolvimento do Agronegócio, Luiz Saad, sobre o assunto e também se haverá o retorno da feira da Abadia, a única que permanece suspensa desde o agravamento da pandemia. 

Em entrevista à Rádio JM, o titular da pasta posicionou que, embora as demais feiras livres estejam liberadas pelo Minas Consciente, a situação do evento no Abadia é diferente porque existe um propósito de lazer. "Dentro do Minas Consciente não podemos promover nenhum tipo de  aglomeração. Como a feira da Abadia tem eese apelo de aglomeração e entretenimento, não vamos autorizar e nao vamos mexer no momento", manifesta.

Hoje o município está enquadrado na onda amarela, a segunda fase do plano estadual de reabertura das atividades. No caso de eventos de lazer e recreação, os protocolos do Minas Consciente preveem o retorno apenas na onda verde, a última etapa mais flexível do programa.

Em relação às feiras livres menores ao longo da semana, o secretário afirma que foi feita à consulta ao departamento jurídico e serão mantidas as regras de distanciamento e higienização aplicadas nos últimos meses. "Vamos continuar do mesmo jeito", posiciona. 

A princípio, a Prefeitura teve dúvidas e chegou a informar a suspensão de todas as feiras livres. No entanto, o Estado esclareceu que as feiras livres são consideradas serviço essencial no programa Minas Consciente, sendo liberadas desde a primeira etapa do plano de reabertura  das atividades econômicas.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia