JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 13 de agosto de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Comitê ainda não tem posição sobre adesão ou não ao "Minas Consciente"

Objetivo da Prefeitura é assegurar que não haja retrocesso e a volta do fechamento de setores já liberados para funcionar

31/07/2020 - 00:00:00. - Por Gisele Barcelos

 Foto/Divulgação

 

Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus de Uberaba se reuniu ontem, mas não tem decisão fechada ainda

Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus se reuniu ontem, mas ainda não há uma resposta sobre a adesão ou não de Uberaba à nova versão do programa Minas Consciente. O grupo voltará a discutir o assunto hoje para apresentar um parecer técnico ao prefeito Paulo Piau (MDB). Em nota, a assessoria de imprensa informou que não houve nenhuma deliberação até o momento sobre a adesão ao programa Minas Consciente e continuam as análises sobre as novas regras divulgadas na última quarta-feira (29) pelo governo de Minas.

O secretário municipal de Saúde, Iraci Neto, declarou em entrevista à Rádio JM ontem que o objetivo da Prefeitura é assegurar que não haverá retrocesso e a volta do fechamento de setores já liberados para funcionar em Uberaba.

Continua depois da publicidade

"90% das atividades econômicas em Uberaba estão em funcionamento, se adaptando na forma de comercialização [...] Vamos lutar para manter, no mínimo, como está hoje. Queremos um entendimento, pois os nossos números são muito bons e estão sob controle há cinco meses. Nunca ultrapassamos 50% de taxa de ocupação de leitos. Vamos demonstrar que podemos avançar, ou pelo menos não retroceder", argumenta.

O titular da pasta ressalta que a lista de atividades autorizadas em cada etapa do plano de reabertura gradativa está sendo confrontada com os segmentos hoje em funcionamento na cidade. Para o secretário, em caso de adesão ao programa estadual, Uberaba provavelmente seria enquadrada na última fase do plano de reabertura e com condição de flexibilizar o retorno de novos segmentos econômicos. "Uberaba tem bons números dentro dos indicadores que serão analisados agora", manifesta.

As novas regras do Minas Consciente entram em vigor a partir da próxima semana. Na versão antiga, Uberaba e as outras cidades do Triângulo Sul já estavam com indicação para avançar na retomada da economia e, além dos comércios essenciais, poderiam abrir estabelecimentos de baixo risco, como autoescolas, lojas de artigos esportivos e floriculturas.

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia