JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 22 de agosto de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Denise Max volta a defender a criação de creches para idosos

Ela encaminhou a proposta em 2014, mas até hoje não conseguiu nenhuma resposta concreta da administração municipal

21/07/2019 - 00:00:00. Última atualização: 21/07/2019 - 07:57:35.

Rodrigo Garcia/CMU


Denise Max durante visita realizada na sexta-feira ao Lar Esperança, que atende idosos

Vereadora Denise Max volta a defender o projeto de criação de creches para idosos na cidade. Ela encaminhou a proposta em 2014, mas até hoje não conseguiu nenhuma resposta concreta da administração municipal. De acordo com ela, a única resposta do Executivo foi de que já existe a Unidade de Atendimento ao Idoso (UAI). 

Porém, conforme lembra Denise, a proposta da creche é completamente diferente da UAI, que na verdade funciona como um espaço de lazer e entretenimento. No caso da creche, os idosos passariam o dia, com todo o suporte necessário, inclusive de saúde, retornando durante a noite para casa.

Para a vereadora, se pudessem contar com essa estrutura, certamente muitas famílias não deixariam os idosos morando em asilos, como acontece hoje. Ela lembrou que muitos exigem cuidados 24 horas por dia e os familiares que precisam trabalhar não têm condições de cuidar deles.

A defesa da vereadora se deu durante visita realizada ao Lar Esperança, no bairro Boa Vista. Acompanhada de sua cadela “Belinha”, Denise fez doação de fraldas e ofereceu um lanche aos internos.

A gerente do asilo, Tania Gisele Severino, contou que a entidade existe há 33 anos no mesmo local e que, atualmente, atende 28 idosos, sendo que apenas um deles passa o dia no asilo e durante a noite vai para casa. Os demais são moradores permanentes. De dinheiro público o asilo recebe apenas R$3 mil mensais da Prefeitura, através de um Termo de Colaboração. O que mantém a entidade são as doações e os benefícios recebidos pelos idosos.

Atualmente, o Lar está passando por reformas, concretizadas através de emendas parlamentares. As obras devem ser concluídas em até quatro meses e, quando terminarem, o asilo poderá ampliar o atendimento para até 30 pessoas.

A quem quiser ajudar o Lar Esperança, ele fica situado na rua Menino José de Almeida, 266, bairro Boa Vista.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia