JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 11 de dezembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍCIA

Suspeito de roubar carros ao atirar pedras de viaduto vai preso

Homem foi preso na noite de sexta-feira (22) ao ser flagrado jogando pedras contra veículos que transitavam na BR-262

- Por Renato Manfrim Última atualização: 24/09/2017 - 09:07:51.

Foto/Reprodução

Trevo da BR-262, no Residencial 2000, local em que a prática de parar carros com pedradas tem se tornado comum

Homem foi preso na noite de sexta-feira (22) ao ser flagrado jogando pedras contra veículos que transitavam na BR-262. Ele tentou fugir e, ao ser abordado, agrediu os policiais e precisou ser contido. No trajeto até o posto policial, o suspeito continuou com xingamentos e danificou a cela da viatura com chutes.

Ele e um comparsa, segundo denúncia recebida pela Polícia Militar, estavam em barranco ao lado do viaduto do Residencial 2000, atirando pedras contra os veículos no intuito de pará-los e em seguida efetuar roubos. De posse desta informação e durante patrulhamento no cruzamento da avenida Doutora Maria Terezinha Rocha com a rua Antônio Moura Borges Fuzaro, o Tático Móvel deparou com um dos suspeitos. Segundo registro da PM, ao ser abordado, ele xingou os militares e, em seguida, correu e tentou entrar em residência da rua Antônio Moura Borges Fuzaro. No entanto, não conseguiu e acabou contido pelos policiais militares.

Ao receber voz de prisão por desacato, tentou agredir os militares com socos e chutes, sendo que os mesmos precisaram utilizar técnicas de artes marciais para algemá-lo. O suspeito, em virtude da contenção, sofreu escoriações pelo corpo, mas recusou atendimento médico. Os seus vizinhos e familiares, ao perceber que ele estava sendo preso, ainda de acordo com a PM, tentaram intervir na ação policial e precisaram ser contidos, com técnicas de bastão, até a chegada do apoio de outras viaturas do turno. Já na cela da viatura e durante o trajeto até o posto policial, o suspeito continuou com os xingamentos e acabou danificando a grade e a pintura do veículo.

A perícia técnica da Polícia Civil precisou ser acionada e realizou os trabalhos de praxe. Foram verificadas no sistema duas ocorrências envolvendo o suspeito também por danificar viaturas da PM, registradas nos dias 19 de maio e 31 de agosto deste ano.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia