JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 25 de setembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Desocupado é preso por suspeita de mandar assaltar a ex-companheira

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

29/07/2021 - 00:00:00. - Por Carlos Paiva

Desocupado de 39 anos foi preso após confessar que passou informações para que três homens assaltassem sua ex-companheira, uma faxineira de 38 anos. O roubo aconteceu na rua Q, bairro Jardim Alvorada, na noite de terça-feira (27). Os ladrões estavam armados de faca e desligaram o disjuntor da eletricidade para que a vítima saísse para fora de casa.

A faxineira conta que, no mês de dezembro, recebeu uma herança de seu pai e, com o dinheiro, comprou uma motocicleta e reformou a sua casa. O ex-companheiro, com quem se relacionou por 10 anos e teve uma filha, hoje com 4 anos, sabia da herança, só não sabia que não tinha mais dinheiro. Ela acredita que o ex-companheiro tenha mandado assaltá-la por vingança, pois ingressou com ação na Justiça para receber pensão alimentícia.

Segundo registro policial, a vítima relatou que estava em casa com sua filha (criança), quando a energia elétrica da casa acabou e ficou tudo escuro. Ela abriu o portão da casa para olhar o disjuntor no padrão, momento em que foi abordada por três homens que estavam escondidos atrás de uma árvore. Eles estavam de blusas amarradas no rosto. Um deles teria dito: “Perdeu, perdeu, foi fita dada, viemos buscar o dinheiro, queremos os cinco mil”.

A faxineira disse que não tinha dinheiro, mas acabou reconhecendo a voz de um dos assaltantes, justamente o mais agressivo e que segurava a faca. Segundo a faxineira, o assaltante é amigo de seu ex-companheiro.

Em dado momento, a faxineira citou o nome do assaltante e perguntou-lhe por que estava fazendo aquilo. O homem, percebendo que já havia sido identificado, disse: “Abre o aplicativo e transfere o dinheiro”. Ele pegou o aparelho celular da vítima e tentou realizar uma transferência via Pix, porém não havia dinheiro na conta.

O assaltante voltou a afirmar que sabia que ela tinha dinheiro. Ela, então, perguntou se foi o ex-companheiro que mandou assaltá-la e ele respondeu que sim. Os três assaltantes tentaram levar uma motocicleta e uma TV, mas desistiram e levaram somente o aparelho celular Samsung Galaxy A20S, de cor vermelha, e um cartão da Caixa Econômica Federal com a senha.

A Polícia Militar conseguiu identificar pelo menos um dos assaltantes e seguiu para a casa do acusado de mandar assaltar a ex-companheira. A princípio, ele confessou que havia passado informações a um dos assaltantes, mas depois mudou de ideia e disse que só conversou. Ele foi conduzido até a Polícia Civil. 

 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia