JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 14 de dezembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍCIA

Quatro jovens são detidos após assalto a motorista de aplicativo

Quatro jovens, de 19 e outro de 20 anos, além de dois menores, de 14 e 15 anos, foram presos na madrugada de ontem

14/11/2019 - 00:00:00. - Por Tulio Micheli Última atualização: 14/11/2019 - 18:06:03.

Quatro jovens, de 19 e outro de 20 anos, além de dois menores, de 14 e 15 anos, foram presos na madrugada de ontem após ser acusados de assalto a motorista de aplicativo em Uberaba. 

De acordo com a vítima, de 46 anos, motorista do aplicativo "99", por volta de 3h30, foi acionado para realizar uma corrida onde deveria recolher os passageiros na rua Guilherme Natal da Silva, no bairro Ilha de Marajó 1. Ao chegar ao local, embarcaram os quatro jovens do sexo masculino, e os mesmos informaram que o destino da corrida seria no bairro Jardim Maracanã.

Quando se aproximavam do local de origem, um dos indivíduos, que estava no banco traseiro, segurou o motorista pelo pescoço, iniciando estrangulamento. Neste momento o quarteto anunciou o assalto e exigiu os pertences da vítima. Eles levaram a carteira, celular e dinheiro. Antes da fuga, os quatro autores agrediram o homem fisicamente e ainda proferiram ameaças de morte, afirmando estar armados. Os criminosos fugiram no veículo da vítima, sentido bairro Rio de Janeiro.

Com base nas informações repassadas, os militares iniciaram rastreamento e se deslocaram até o local onde foi realizada a chamada do motorista. Lá, eles encontraram uma menor, que confirmou conhecer os autores e que os mesmos teriam pedido a ela que acionasse o motorista, mas afirmou que não sabia que os acusados iriam praticar o assalto.

Com o apoio de viaturas do 4º e 67º BPM, foi montada operação em direção às residências dos autores. Eles abordaram inicialmente dois acusados que estavam dormindo. Um terceiro elemento percebeu a presença da PM e tentou fugir, pulando muros, mas foi contido por militares. Com os acusados foram encontrados o celular roubado, as chaves do veículo roubado e a carteira e documentos da vítima. 

Questionados, os suspeitos confessaram o crime e afirmaram que o carro estaria escondido no bairro de Lourdes, bem como o dinheiro subtraído da vítima se encontrava na casa do quarto indivíduo que participou do roubo. Os autores, bem como material recuperado e responsáveis dos menores, acabaram encaminhados à Delegacia de Plantão, ficando à disposição da autoridade policial.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia