JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 21 de novembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍCIA

Servidor é preso ao ser acusado de abuso sexual contra menor especial

Servidor público, de 56 anos, foi preso no domingo (11) após ser acusado de abuso sexual contra adolescente que necessita de cuidados especiais, de 13 anos

13/08/2019 - 00:00:00. - Por Tulio Micheli Última atualização: 13/08/2019 - 18:23:52.

Servidor público, de 56 anos, foi preso no domingo (11) após ser acusado de abuso sexual contra adolescente que necessita de cuidados especiais, de 13 anos, no Residencial Rio de Janeiro, em Uberaba. De acordo com o boletim de ocorrência registrado pela Polícia Militar, a menina enfrenta alteração neurológica e, no fim de semana, foi passar o Dia dos Pais com a família do pai. 

A família estava em uma confraternização na casa de vizinho, quando o pai sugeriu que os filhos fossem para casa, a cerca de 30 metros do local onde acontecia a festa, e que o mesmo iria na sequência.

Cerca de 20 minutos depois, quando chegava em casa, o pai viu que o vizinho também chegava com sua filha especial. Nervoso, o suspeito disse que havia levado a menina para brincar com sua filha, uma criança de 6 anos, e por isso estava devolvendo a mesma em segurança em casa.

Estranhando o nervosismo do vizinho, o pai começou a questionar a filha, que contou que enquanto se deslocava para casa, o vizinho a levou para sua casa e, no local, pediu que a mesma tirasse suas roupas. Na sequência, ele teria acariciado as partes íntimas da menor, porém não houve confirmação de conjunção carnal.

Após ouvir os relatos da menina, a Polícia Militar foi acionada e compareceu na casa do acusado. Durante interpelação, o homem apresentava intenso nervosismo e entrava em contradições, fazendo com que os militares dessem voz de prisão ao suspeito. 

A menina seguiu para unidade hospitalar, onde passou por exames, e o acusado foi encaminhado à delegacia de plantão, onde ficou à disposição da autoridade policial.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia