JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 08 de dezembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍCIA

Após ingerirem bebida alcoólica, casal briga e termina em agressão

Segundo o homem, a briga começou pela possibilidade da jovem estar grávida

23/07/2019 - 00:00:00.

Uma jovem, de 21 anos, registrou um Boletim de Ocorrência na Polícia Militar (PM) e relatou que foi agredida pelo companheiro dentro de casa, no Bairro Santa Maria, em Uberaba. A jovem afirmou estar grávida de dois meses e que também revidou a agressão.

A vítima informou que, no domingo (21), ela e o companheiro, de 37 anos, tinham saído de casa e que consumiram bebidas alcoólicas.

Porém, ao retornar para casa, eles começaram a discutir. Segundo a jovem, ela foi agredida pelo companheiro, que a arrastou pelos cabelos do quarto até a sala, sendo jogada ao chão, além de ser esganada e receber socos e tapas no rosto. Ainda segundo a jovem, o homem deu um soco na TV, danificando o aparelho, e também quebrou a porta de vidro da sala.

Depois do registro da ocorrência, a PM iniciou os rastreamentos e encontrou o veículo em alta velocidade pela avenida Santos Dumont. Os militares precisaram perseguir o homem até na BR-050, na altura do km 173, quando ele foi interceptado com a ajuda de outras viaturas. Na abordagem, os policiais perceberam que o indivíduo estava embriagado.

Na versão do homem à PM, ele disse que começaram a discutir e entraram em luta corporal devido à possibilidade de a vítima estar grávida. Ele ainda alegou aos militares que, quando conduzia a caminhonete, estava “fora de si” e não sabe dizer o porquê não parou.

De acordo com a PM, conforme relatório médico, homem sofreu escoriações no punho e braço esquerdo, perna direita e no peito. Depois de ser atendido no hospital, ele foi detido e teve a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) apreendida. A caminhonete foi removida ao pátio credenciado ao Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG).

Devido às agressões, a jovem teve um ferimento na região do rosto, conforme o relatório expedido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) São Benedito. O casal foi conduzido à Delegacia de Plantão da Polícia Civil, onde prestaram esclarecimentos. 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia