JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 10 de abril de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Agora é pra valer. Vasco foi rebaixado de vez. Bragantino vence reservas do Grêmio por 1 a 0

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

26/02/2021 - 07:24:34. - Por Agência Estado Última atualização: 26/02/2021 - 07:24:45.

Na despedida de Vanderlei Luxemburgo, o Vasco teve decretado o seu quarto rebaixamento na história do Brasileirão, na noite desta quinta-feira, apesar da vitória sobre o Goiás por 3 a 2, em São Januário, no Rio de Janeiro. O time goiano já estava rebaixado à Série B, assim como Coritiba e Botafogo.

O resultado confirmou o que já era esperado, após o empate com o Corinthians na rodada passada. O Vasco entrou nesta rodada apenas com chances matemáticas de escapar da queda. Precisaria vencer, o que fez, e torcer por uma derrota do Fortaleza frente ao Fluminense, o que também aconteceu. No entanto, não conseguiu descontar um saldo de 12 gols na tabela.

O Vasco encerrou sua participação com dez vitórias, 17 derrotas e 41 pontos, na 17ª colocação. O Goiás ficou logo abaixo, com 37 pontos e a pior defesa do campeonato, com 63 gols sofridos. Assim, o time carioca sofreu o quarto rebaixamento de sua história na competição nacional.

FICHA TÉCNICA:


VASCO 3 x 2 GOIÁS

VASCO - Fernando Miguel; Léo Matos (Juninho), Ricardo Graça, Leandro Castán (Marcelo Alves), Henrique; Bruno Gomes, Andrey (Tiago Reis), Carlinhos, Yago Pikachu; Talles Magno (Gabriel Pec) e Cano (Ygor Catatau). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

GOIÁS - Tadeu; Shaylon, Fábio Sanches, David Duarte, Jefferson, Henrique Lordelo; Miguel Figueira (Breno), Índio (Taylon), Fernandão (Sandrinho); Rafael Moura (Pedro Marinho) e Vinícius. Técnico: Glauber Ramos.

GOLS - Cano, aos 14, e Fernandão, aos 24 e aos 51 minutos do primeiro tempo. Ricardo Graça, aos 4 e aos 46 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Léo Matos, Miguel Figueira, Fábio Sanches.

ÁRBITRO - Leandro Pedro Vuaden (RS)

RENDA E PÚBLICO - Jogo sem torcida.

LOCAL - Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro (RJ).

GRÊMIO PERDE PARA O BRAGANTINO FORA DE CASA

O Red Bull Bragantino encerrou sua primeira participação no Campeonato Brasileiro com o novo nome com vitória por 1 a 0 sobre o Grêmio, nesta quinta-feira, no estádio Nabi Abi Chedid. O único gol do duelo foi marcado por Claudinho, que foi o artilheiro da competição, com 18 gols, ao lado de Luciano, do São Paulo.

Com o resultado, o time paulista ficou na décima posição, com 53 pontos, com a vaga garantida antecipadamente na Copa Sul-Americana. O Grêmio, por outro lado, ficou em sexto, com 59. O time gaúcho precisa ser campeão da Copa do Brasil para entrar na fase de grupos da Libertadores. Caso contrário, entrará nas etapas preliminares.

FICHA TÉCNICA

BRAGANTINO 1 X 0 GRÊMIO

BRAGANTINO - Cleiton; Aderlan, Fabrício Bruno, Ligger e Edimar; Raul, Lucas Evangelista (Ricardo Ryller) e Claudinho; Artur (Leandrinho), Ytalo (Hurtado) e Vitinho (Cuello). Técnico: Maurício Barbieri.

GRÊMIO - Júlio César; Vanderson, Rodrigues, Ruan e Bruno Cortez; Darlan (Isaque), Thaciano e Pinares; Everton (Guilherme Azevedo), Ferreira e Churín. Técnico: Alexandre Mendes (auxiliar).

GOL - Claudinho, aos 7 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Ramon Abatti Abel (SC).

CARTÕES AMARELOS - Edimar, Fabrício Bruno e Lucas Evangelista (Bragantino).

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

 


Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia