JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 10 de julho de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

ESPORTE

Universidad Católica brilha no Chile, mas desilude na Libertadores

23/03/2020 - 11:33:51.

 

Imagem: Universidade Católica

Se, antes mesmo da primeira rodada da Copa Libertadores, muitos especialistas colocavam lado a lado a Universidad Católica, Grêmio e o Internacional pela luta de uma vaga nas oitavas da Copa Libertadores, a verdade é que o mais forte time chileno está sentindo muitas dificuldades.

Mesmo estando dominando com tranquilidade o Chile Primeira Divisão, a verdade é que a Universidad Católica não está conseguindo demonstrar toda sua forma nacional nos jogos internacionais. Prova disso mesmo foi a derrota inesperada em casa contra um time teoricamente mais fraco, como era o América de Cali. O que se estará passando na Libertadores?

A verdade é que o técnico da Universidad Católica não quer dar muitas desculpas, admitindo a desilusão e de que seu time não está conseguindo responder bem às suas estratégias de jogo na Copa Libertadores. Com duas derrotas nos primeiros dois jogos da fase de grupos da Copa Libertadores, a Universidad Católica vai precisar de finalmente demonstrar sua qualidade, não tendo mais margem.

O que está faltando à Universidad Católica na Copa Libertadores?

Essa é uma das questões que está sendo cada vez mais colocada pelos torcedores, mas também por especialistas do futebol chileno. Será que é a qualidade da Primeira Divsão do Chile que está fazendo com que a Universidad Católica esteja sentindo dificuldades contra adversários fora do país?

A verdade é que, em seu primeiro jogo na Copa Libertadores, e mesmo estando confiante, pois está isolado na liderança da Liga Chilena, a Universidad Católica acabou perdendo de forma clara contra o time brasileiro do Inter. Foi uma derrota por 3-0, onde o time chileno não conseguiu contrariar a excelente capacidade atacante do Internacional.

Contudo, o pior ainda estaria para vir. Isso porque, já na segunda rodada da Libertadores, no grupo E, e com a obrigação de ter que ganhar esse jogo, a Universidad Católica acabou perdendo em sua casa contra o time do América de Cali. O resultado foi de 1-2, sendo que ficou claro que a Universidad Católica deveria ter feito muito mais para ganhar esse jogo.

Vai a Universidad Católica conseguir salvar a Libertadores?

Apesar de ainda estarmos em uma fase bastante inicial da Primeira Divisão do Chile, a verdade é que já poucos chilenos parecem acreditar que algum time vá conseguir chegar perto da liderança da Universidad Católica.

Isso significa que, praticamente sem pressão no Campeonato nacional, a Universidad Católica teria finalmente todas as condições para conseguir lutar pelas oitavas da Copa Libertadores, tendo como adversário diretos o Grêmio e o Internacional.

Porém, e quando se previa também um futebol de qualidade da Universidad Católica, a verdade é que esses primeiros resultados negativos colocam desde já em risco a continuidade do time chileno na Copa Libertadores, que era um dos grandes objetivos do time chileno, visto que está conseguindo dominar o futebol do Chile com relativa facilidade.

Teremos Copa Libertadores nessa temporada?

De fato, antes mesmo de pensar como a Universidad Católica poderá responder aos dois primeiros resultados negativos, tendo o próximo jogo agendado para ser contra o Grêmio, será naturalmente necessário que esse grave problema do Covid-19 possa ser resolvido.

Há poucos dias os responsáveis pela Universidad Católica anunciaram que tiveram que suspender todos seus treinamentos, até que a situação do vírus pudesse ser resolvida.

Logo, e com os mais recentes prognósticos dos especialistas apontando para o pico da doença para abril ou maio, sem dúvida alguma que a Copa Libertadores 2020 está em risco de poder ser concluída. Dependendo da duração do Coronavírus, a Libertadores poderá também ser encurtada.

Vale a pena realçar que por causa do Covid-19 a Copa América já foi adiada para o próximo ano, precisamente para permitir que os times da América do sul possam organizar todo o calendário. A fase de grupos da Libertadores, por exemplo, poderá ser desde já desfeita.

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia