JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 14 de novembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

ESPORTE

São Paulo confia em concessão de Interlagos para renovar com a F1

Prefeitura de São Paulo e os organizadores do GP do Brasil garantiram ontem que continuam otimistas com as negociações para renovar o contrato

08/11/2019 - 00:00:00. - Por Agência Estado

A Prefeitura de São Paulo e os organizadores do GP do Brasil garantiram ontem que continuam otimistas com as negociações para renovar o contrato com o comando da Fórmula 1 e manter a realização da prova no Autódromo de Interlagos. Um dos trunfos para prolongar o acordo para além do prazo atual, que se encerra em 2020, é a concessão do circuito. A meta é manter a corrida na capital paulista pelo menos até 2030. A edição 2019 do evento será no dia 17. 

Na manhã de ontem, o secretário municipal da Casa Civil e Turismo, Orlando Faria, e o secretário municipal de Infraestrutura e Obras, Victor Aly, estiveram em Interlagos, com o promotor do GP do Brasil, Tamas Rohonyi. O encontro serviu para marcar a conclusão de uma reforma na área dos boxes. O investimento de R$41 milhões do governo federal e mais R$3,5 milhões da Prefeitura modernizou a área, que agora está com novo piso, teto mais alto e sem divisórias fixas.

Representante do prefeito Bruno Covas na vistoria, Faria afirmou que a reforma deixa o autódromo ainda mais atrativo para a F1 e que a concessão do circuito, que teve o edital publicado nessa quinta-feira (7), mostra para a categoria o quanto a cidade está disposta a manter a Fórmula 1.

O GP Brasil é realizado em São Paulo, de forma ininterrupta, desde 1990. A última renovação de contrato foi assinada em 2014, quando teve como contrapartida do poder público uma ampla reforma em Interlagos. 

Além de São Paulo, o Rio de Janeiro quer receber a corrida. A prova seria realizada em um autódromo a ser construído em Deodoro.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia