JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 15 de setembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

ESPORTE

Flamengo e Atlético-PR duelam em Maracanã cheio na Libertadores

Com a necessidade de improvisar nas escalações devido a desfalques, Flamengo e Atlético-PR se enfrentam hoje, às 21h45

Última atualização: 12/04/2017 - 20:26:22.

Com a necessidade de improvisar nas escalações devido a desfalques, Flamengo e Atlético-PR se enfrentam hoje, às 21h45, em partida decisiva pelo grupo 4 da Taça Libertadores em um Maracanã cheio, após a venda de todos os 50.500 ingressos disponibilizados para a torcida da casa.

O Furacão ocupa a vice-liderança da tabela, com os mesmos quatro pontos da líder Universidad Católica. O Flamengo vem logo atrás, com três, e o San Lorenzo se mantém na lanterna após duas rodadas sem pontuar.

A equipe mandante, treinada por Zé Ricardo, terá de superar a incômoda sequência de quatro empates nos últimos jogos, pelo Campeonato Carioca, para vencer e sair da terceira colocação do grupo.

O técnico precisará buscar substitutos para o volante Rômulo e o meia Everton, que se recuperam de lesões e dificilmente poderão jogar. Além deles, o atacante colombiano Orlando Berrío terá de cumprir a primeira das três partidas de suspensão pela expulsão no jogo anterior.

O mais provável é que Zé Ricardo volte a escalar uma equipe com três atacantes, com Paolo Guerrero no centro, auxiliado por Gabriel e Federico Mancuello nas pontas. Com isso o Flamengo entraria em campo com Muralha; Pará, Donatti, Réver e Trauco; Márcio Araújo, Willian Arão e Diego; Mancuello, Gabriel e Guerrero.

O técnico do Atlético-PR, Paulo Autuori, tem mais problemas ainda para definir o time titular. A equipe desembarcou no Rio de Janeiro sem os atacantes Felipe Gedoz e Pablo, que terão de cumprir uma partida de suspensão, e sem o volante Otávio e o meia Carlos Alberto, que se recuperam de lesões. O provável time do Furacão é Weverton; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Deivid, Matheus Rossetto, Lucho González e Nikão; Douglas Coutinho (Grafite) e Eduardo da Silva.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia