JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 16 de outubro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

ESPORTE

Marcelo Oliveira planeja rodízio de atletas no Palmeiras

O técnico Marcelo Oliveira não é um adepto do rodízio de atletas, tal como tenta aplicar o comandante Juan Carlos Osorio no São Paulo

Última atualização: 30/08/2015 - 17:01:12.

O técnico Marcelo Oliveira não é um adepto do rodízio de atletas, tal como tenta aplicar Juan Carlos Osorio no São Paulo. Em seus trabalhos, ele costuma definir uma equipe titular fixa e tenta repeti-la o maior número possível de vezes. Para ele, o calendário apertado do futebol brasileiro dificulta o entrosamento dos atletas, que só vão se conhecer bem em campo se jogarem juntos muitas vezes. No entanto, os obstáculos do ano palmeirense, como o acúmulo de lesões, contratações no meio da temporada e oscilações de rendimento, têm obrigado o técnico a promover uma troca constante de jogadores, gerando uma indefinição quanto à titularidade na maior parte das posições da equipe.

Além do goleiro Fernando Prass, do zagueiro Victor Hugo e do atacante Dudu, todas as outras posições estão permeadas de certo mistério. Na lateral direita, Lucas e João Pedro (titular na quarta-feira contra o Cruzeiro) disputam uma vaga, enquanto na esquerda Egídio e Zé Roberto estão na briga. Na zaga, Jackson e Vitor Ramos pleiteiam o espaço remanescente. No meio de campo, Arouca tem preferência, mas se recupera de lesão. Girotto, Amaral e Robinho são os demais concorrentes. Com a lesão de Cleiton Xavier, a disputa pela posição de armador ficou entre Robinho e Zé Roberto, que foi titular contra o Cruzeiro.

No ataque, Rafael Marques, titular durante todo o ano, caiu de produção, perdeu a vaga para Gabriel Jesus ante o Cruzeiro e continuará na reserva contra o Joinville. Barrios e Alecsandro já foram titulares e tentam chegar a uma definição sobre o centroavante que começa jogando.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia