JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 14 de junho de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

O timaço do Nacional de 1967

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

25/05/2021 - 06:51:14. Última atualização: 25/05/2021 - 09:15:33.

carlosticha@hotmail.com 

Foto, bom time do Nacional de 1967

TOQUE DE PRIMEIRA

Quanta saudade me dá! Valorizar o que é nosso é o que está faltando no nosso esporte, principalmente no futebol. Sempre quando os nossos principais clubes que disputaram e ainda estão em atividades nos campeonatos do estado se dispuseram dos atletas da terrinha as coisas fluíram de maneira positiva. Não sei explicar por que não continuaram o trabalho de valorização do que é nosso. Lembram dos timaços do USC, principalmente aquele de 94/95/96? Não esqueço desta formação: Chocolate; Elder, Estevam, Marcos Rogerio e Bill; Helinho, Marcinho e Rominho; Fernandinho, Saldanha e Amarildo. Parabéns ao Pedro Walter Barbosa pelo grande feito. Aliás, Waltinho sempre esteve a frente ao apoio aos jogadores da base, pena que as coisas têm que ser interrompidas. O Independente nem tanto, mas o Nacional sempre deu forma nas suas equipes com jogadores cria da casa. A valorização é importante. Este ano será da mesma forma. A coluna de hoje posta uma foto do Nacional de 1967, contando com nada menos de 10 jogadores vindo do Juvenil. Waldir veio de fora, mas foi um uberabense com muito orgulho: pegava muito. Romildo, não foi um cracaço de bola, mas jogava para o gasto. Jackson, este eu não canso de falar; foi excelente jogador, um coringa que jogava muito em qualquer posição do meio para trás. Toninho, foi outro que mostrou serviço com a camisa do alvi negro. Luiz Nassif, o Pacu, moço que veio de Conceição das Alagoas, foi firme na zaga. Dario, cria de “JK”, sempre foi eficiente. Jogava com confiança e tranquilidade. Os que estão agachados começa com Zulei, saiu do Fabricio para ser titular no Elefante. Ponta rápido e de jogadas produtivas. Bulau, este foi um verdadeiro “homem de área”. Na zona do agrião, dificilmente desperdiçava a oportunidade de colocar a bola para o fundo da rede. Mané, começou no Atlético do Abadia e foi brilhar no Nacional. Jogador de dribles curtos e chutes certeiros. Luiz Cecílio, meio campista de muita raça e disposição. Com a camisa do seu Nacional, colocava o coração na ponta da chuteira. Naim Foi outro jogador de uma eficácia incrível. Jogava bem, e mostrava qualidade no ataque, depois foi jogar no USC. Quando a gente lembra e fala sobre o nosso futebol, a saudade aperta e a esperança renova. Eles fizeram história e mostraram toda qualidade de como jogar bola.

MOTO ZEMA tem a moto de seus sonhos. Peças, serviços, acessórios e qualidade no atendimento. Avenida Guilherme Ferreira, 795 – fone: 3318-3600. Visite nosso showroom e realize seu sonho. Inspeção gratuita de 21 itens. Fácil comprar.

CANELADAS

Na igreja, o coroinha observava o Makarrão rezar, e curiosamente foi perguntar: 

--- O senhor sabe fazer o pelo sinal?

--- Saber eu até sei, só não consigo é esparrar as palavras na cara...

Desabafo de uma mãe de oito filhos, depois de 9 horas de labuta:

--- As crianças são a alegria da casa, principalmente quando estão dormindo.    

O Karrapixo liga na sua casa, a Carla atende:

--- Bem, cai de uma escada de 20 metros!

--- Não acredito! Então se arrebentou todo?

--- Nada, o tombo foi do primeiro degrau...

A patroa chama a nova empregada:

--- Maria, nos tomamos café as 6h30 da manhã, todos os dias.

--- Tudo bem patroa, mas não precisa me chamar. Eu só tomo café mais tarde...      

ESTEIO Materiais para Construções é o caminho certo. Avenida José Maria Reis, 310 – fone: 3338-8444. Da base ao acabamento, ESTEIO nome sólido em construção. Fale com Nadir, Oscar, Diego ou Larissa. Construa com qualidade. 38 anos no mercado com os melhores preços. Venha tomar um café conosco. WhatsApp 9.9250-8444.

BOLA DE MEIA

Depois de suas estrepolias na beira do campo de jogo, parte da imprensa paulista começou a criticar o treinador Abel Ferreira. Dizendo que pressão em cima da arbitragem não ganha jogo, inclusive falando que ele não sabe mudar o esquema de jogo.

Penso diferente, o treinador deu ao Palmeiras uma maneira positiva de jogar. Conquistou dois importantes títulos, agora perder o paulistão para o São Paulo foi a coisa mais normal. O Tricolor paulista está sobrando e jogando muita bola. Foi em problemas.

Náutico foi o campeão pernambucano. Fortaleza conquista o tetra no Ceará. CSA não deixou por menos e ficou com o título em Alagoas. No Amazonas, deu Manaus. Atlético Alagoinha dominou o baiano. Brasiliense levantou a taça em Brasília. 

Rural Noroeste foi o dono do Espírito Santo. Grêmio Anápolis dominou o Goiano. Maranhão foi do Sampaio Correa. Cuiabá foi o campeão no Mato Grosso. Paissandu dominou o Paraense. No Piauí, Altos levantou a taça. Sergipe foi o campeão sergipano.       

Pela Taça Rio, durante os 90 minutos, o Botafogo jogou bem e venceu o Vasco por 1 a 0. Agora, nos Pênaltis, faça um favor. Nenhum jogador do Fogão conseguiu marcar. Enquanto no Vascão, os três pênaltis foram convertidos. Final: Vasco campeão.

Depois de ter vencido o primeiro jogo por 2 a 1 de virada, no jogo da volta, Grêmio e Internacional ficaram no empate, resultado que deu o tetracampeonato ao Grêmio. O atacante Ferreirinha foi o destaque nas duas partidas. O tabu continua. 

Na verdade, no Paulistão o resultado não poderia ser outro. Palmeiras fez o que pôde, mas o São Paulo está jogando o fino da bola. Foi superior e mereceu, jogou com sorte e competência. O coletivo e intensidade de time do Crespo mostra a capacidade.

No Rio de Janeiro não resta a menor dúvida de que o Flamengo, na maior parte do jogo foi melhor. O Fluminense que tem bom time, teve uns 20 minutos de equilíbrio, mas acabou abrindo espaço e perdeu o jogo e o tão sonhado título. Mengão tricampeão.

O choro é livre. Por isso e outras coisitas que envolve o futebol o América reclama da arbitragem. Em minha opinião, nos dois lances reclamados não houve faltas. O América desperdiçou uma penalidade máxima e, talvez a oportunidade de ser campeão.

Na verdade, o trio de árbitros se comportou muito bem. Eu, inclusive, daria nota 7,5 ao árbitro Felipe Fernandes de Lima, que conduziu a partida, e mesmo com muita pressão, foi tranquilo e inteligente. Brigar com a arbitragem é o desabo do perdedor.

Hoje tem Conselho Técnico na FMF. O assunto é sobre a Segundona. Todos os clubes convocados, Mamoré e Clube Atlético Portal não estarão nessa edição. Mas 21 clubes devem marcar presença, inclusive a dupla Nacional e Uberaba. É esperar o resultado com as propostas da Federação. Acho que não vai passar de 10 corajosos.. TRAVA.            

TA CONFECÇÕES – Há 24 anos no mercado brasileiro com absoluto sucesso. Uniformes profissionais, escolares e promocionais. TA qualidade profissional. Av. Leopoldino de Oliveira, 2084. Telefone: 3338-3050. Faça-nos uma visita.

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia