JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 23 de setembro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Ponto de encontro

06/08/2020 - 06:53:00. - Por Ani e Iná


Uberaba das 7 colinas! 

Em cada ponto alto da cidade, uma igreja!

Certeza temos de que Uberaba, em tupi-guarani, significa "água cristalina”.

Somos caipiras, sim senhor. Nascemos na calmaria do interior e não gostamos de esconder nossas raízes, ouvimos músicas de nossa terra, existe um sotaque caipira do qual nunca sentimos preconceito; ar puro, céu azul de verdade, e o nosso cerrado, vegetação nativa, baixa, rala, retorcida, com muitas flores e muitos frutos.

Somos religiosas, gostamos das rezas, do ponto de encontro aos domingos nas igrejas. Gostamos dos terços, das benzedeiras, das quermesses, dos bazares, das bordadeiras, dos queijos caseiros, dos temperos verdes colhidos na hora, e dos peixes do dia. Levamos a vida com simplicidade, sem estresse, sem tráfego e sempre que podemos estamos na igreja para agradecer, ou para pedir alguma graça. Uberaba tem inúmeras igrejas, paróquias, congregações, fraternidades, como a igreja Medalha Milagrosa, Nossa Senhora das Graças, Santa Luzia, Santo Expedito, etc.  

Vamos nos afeiçoar às igrejas das 7 colinas!

Igreja Santa Rita, museu de Arte Sacra, tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, acervo rico em   peças barrocas, conta a história da Igreja Católica na região. Portas abertas, ponto de encontro para eventos culturais, como corais, pianistas, cantores, que imprimem na 'glamourosa" igreja os segredos da poesia e da alma. Tudo isso no coração da cidade!

Catedral Metropolitana de Uberaba, igreja Mãe, Matriz, localizada no alto da Praça Rui Barbosa, é sede da Arquidiocese de Uberaba, no estado brasileiro de Minas Gerais. Abrange vinte municípios do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. A igreja Matriz esteve presente em todos os momentos da história de Uberaba, com orquestras sacras, corais e grande pompa, ostenta um dos maiores órgãos de tubo do país, raramente encontrados em cidades interioranas.

Lembramos... em crianças, lá estávamos todos os domingos (dois parzinhos de jarros) na missa das dez, duas fadinhas, vestidas com requinte da alta-costura, modelados pela nossa mãe Maria Bittencourt, exímia costureira (só para nós duas). Gostávamos da missa... Era bonita... O órgão... As vozes... Os fiéis... a igreja...

Ir à missa aos domingos é um hábito, um ponto de encontro, que nos acompanha nos dias de hoje. Ligação forte com a religiosidade.

Igreja do Santíssimo Sacramento também foi chamada de Santo Antônio e São Sebastião e de Igreja da Adoração. Durante o episcopado de Dom Eduardo, construiu-se paralelamente à igreja outro prédio ao lado que lhe serviu de residência - Palácio Episcopal - que futuramente se destinaria ao Seminário Diocesano. Ponto de encontro no Natal de Luzes, onde os devotos se posicionam nos jardins da praça Dom Eduardo para assistir a um dos mais belos espetáculos; janelas iluminadas, crianças cantando anunciando o Cristo Rei!  Atualmente, uma turma de fiéis da “Sagrada Face” se reúne na igreja todas as terças-feiras, às 15 horas, com muita fé, para celebrar as graças recebidas.

Igreja São Domingos, toda edificada em pedra tapiocanga, sua arquitetura é alvo de visitantes. Uma curiosidade: o interior da igreja foi pintado de branco para esconder pinturas indesejadas para o catolicismo.  A festa tradicional, em que a gastronomia corre solta, ponto de encontro, é a ”Festa de São João”, com a ornamentação de um mundo mágico, tudo sob medida, acústica das melhores, leilões, bingos, sorteios e uma infinidade de gente bonita a caráter. Evento junino que supera pelo bom gosto e organização!  

Igreja Santa Terezinha, os Padres Capuchinhos estiveram à frente da comunidade paroquial de Santa Terezinha por quatro décadas, encontrando-se atualmente sob os cuidados da arquidiocese de Uberaba-MG.  As festividades do dia 13 de maio, ponto de encontro na Praça Santa Terezinha, com o coral afro de Uberaba, enchem de cores e sons as ruas em volta da praça.

O Congado ou Congo é uma expressão cultural e religiosa que envolve canto, teatro e espiritualidade cristã e de matriz africana. Com roupas coloridas, chapéus e turbantes...  Nossa Senhora do Rosário, São Benedito e Santa Efigênia são reverenciados como protetores dos escravos negros. Santa Terezinha acolhe os segredos e os abençoa.

Igreja São Judas Tadeu, com o santo mais popular do Brasil, tem ponto de encontro no dia 28 de outubro, com sete missas celebradas, finalizando com a missa campal. É o santo patrono das causas desesperadas e das causas perdidas na igreja Católica Romana. Hoje, afastado das funções sacerdotais, padre Júnior foi o responsável direto pela construção da magnífica igreja. Ele deu à Paróquia de São Judas Tadeu um toque de classe e notoriedade. Justiça seja feita!

Uberaba das 7 colinas! Uma cidade abençoada que o Sagrado espera no ponto de encontro de cada colina! 

Dois beijos,
Ani e Iná 

aninauberaba@gmail.com

gemeasanina@hotmail.com

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia