JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 01 de outubro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Bom demais...

Uberaba sempre foi celeiro de boas ideias que, a seu tempo e hora, se materializam

07/02/2020 - 00:00:00. - Por João Eurípedes Sabino


Uberaba sempre foi celeiro de boas ideias que, a seu tempo e hora, se materializam para o bem da humanidade. Temos como ideia marcante nos anos 30 o invento do engenheiro agrônomo Henrique Vieira da Silva, que deu aos veículos automotores a tração nas quatro rodas. Henry Ford recebeu todos os projetos técnicos, os quais tenho em meus arquivos. Não por acaso no dia 12/03/2019 o acadêmico Pedro Lima e eu sugerimos ao secretário José Renato Gomes o apoio aos inventores de Uberaba. 

Tenho na memória o projeto de lei do médico Dr. Heleno Sousa Araújo, enquanto vereador em Uberaba de 1993 a 2004, que consistia em dotar imóveis residenciais de reservatórios para armazenarem águas de chuva. Tais águas seriam usadas depois em serviços gerais na edificação. O IPTU teria reduções para mencionados imóveis.

Além da economia que referido projeto iria resultar aos munícipes, está a retenção de milhões de litros d´água que não chegariam ao centro da cidade. Seriam minimizadas as enchentes recorrentes com as quais convivemos como se não tivessem solução.

Toda Minas Gerais tem sofrido com a ação das chuvas no verão de 2020. Belo Horizonte teve o maior índice pluviométrico (174mm) em 110 anos, registrando desastres irreparáveis que se iniciaram nas encostas e terminaram nos córregos centrais, avenidas, praças e ruas. Vidas foram ceifadas, lares destruídos e prejuízos chegaram a bilhões de reais.

Governador Romeu Zema e Dr. Heleno Sousa Araújo, no dia 29/01/2020, falaram a mesma língua. No programa GloboNews, o mandatário mineiro, ao ser questionado, frisou que está sendo estudada pela PMBH “a redução do IPTU de residências que venham a ter caixas-d’água para absorver parte do volume das chuvas, que inclusive vai gerar economia na conta de água mensal...”. E continua Romeu Zema: “Se cada um captar 1.000 litros, 2.000 litros; como são milhares de propriedades, você passa a ter uma redução expressiva no volume da água que é direcionada para a rede pluvial”.

Um quarteirão, digamos, com 100 casas armazenando 2.000 litros cada uma, resultará em 200.000 litros d’água guardados. Bom demais para ser verdade. 

E a autoria fica para Dr. Heleno Sousa Araújo, que sugeriu o projeto muito antes.

Leia mais


DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia