JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 22 de novembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Por uma convivência melhor

Que tal parar de ser perfeccionista e exigente com as pessoas de sua convivência?

08/11/2019 - 00:00:00. - Por Eliana Barbosa

Que tal parar de ser perfeccionista e exigente com as pessoas de sua convivência? 

Eis aqui sete dicas poderosas que vão ajudá-lo a se sentir mais leve emocionalmente e feliz:

1. Quando sentir irritação com o comportamento folgado de alguém,  entenda que foi você quem permitiu esta situação. Respire fundo e diga mais “nãos” para ele, sem se culpar por isso.

2. Pare de levar tudo a “ferro e fogo” e de exigir que as pessoas sejam o que você quer que sejam. Respeite a natureza do outro, os seus traumas e as suas crenças, muitas vezes bem limitantes e negativas. 

3. Cuidado com a mania de achar que todo mundo tem segundas intenções. O segredo, nesse caso, é não se expor tanto em seus relacionamentos e ir avaliando, discretamente, o comportamento das pessoas à sua volta. Um dos indícios de que alguém não é confiável é quando ele mente para os outros e nem se incomoda com isso. Com certeza, vai mentir também para você, mais dia, menos dia.

4. Não seja escravo de si mesmo e nem da opinião dos outros. Se  estiver se sentindo cansado, dê-se uma folga, sem arrependimento. Afinal, quem vai acreditar em seu cansaço se é você quem insiste em trabalhar sem descanso?

5. Se você convive com gente implicante, dê um basta nas discussões. Use um ouvido para ouvir e o outro para jogar tudo fora e recuse-se a abrir a boca para agredir. Geralmente, quem gosta de brigas provoca até ver o desequilíbrio do outro. Não caia nessa!

6. Para não se sentir vulnerável aos ataques e batalhas do dia a dia, fortaleça sua autoestima. Nenhuma guerra poderá abatê-lo se você tiver amor e respeito por si mesmo e compaixão com os outros.

7. Procure julgar menos, facilitando, assim, o processo do perdão àqueles que feriram seus sentimentos. Ao invés de pensar em vingança, aprenda a se amar e a se respeitar mais, pois é dessa forma que atrairá para sua vida, daqui para frente, quem vai lhe oferecer amor e consideração.

E finalizo nossa reflexão com este lembrete: Você atrai aquilo que transmite! Portanto, qual é a energia, nesse momento, que você está transmitindo e atraindo para sua vida?

(*) life coach, psicoterapeuta, articulista de jornais e de revistas de circulação nacional e internacional, autora de vários livros no campo do autodesenvolvimento,  apresentadora de programas em TV e rádio e ministra  palestras e cursos transformacionais no Brasil e nos Estados Unidos.
Conheça melhor as suas atividades profissionais no site
www.elianabarbosa.com.br
Contato:
eliana@elianabarbosa.com.br

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia