JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 14 de outubro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Amizade

Da amizade nunca é demais falar. Que maravilha a amizade. A amizade, uma das lindas feições do amor

05/10/2019 - 00:00:00. - Por Ricardo Cavalcante Motta

Da amizade nunca é demais falar. Que maravilha a amizade. A amizade, uma das lindas feições do amor, é sentimento de profundo afeto. Silenciosa e atenta, a verdadeira amizade alcança lúcida o convivente de quem se gosta não só comemorando vitória como também comungando de perdas e, especialmente, apontando defeitos. Isto difere o verdadeiro amigo do bajulador comum que somente festeja. Como dizia o grande Chico das Almas, após a noite anuncia-se a alvorada, siga mesmo com os pés machucados na fé no dia de amanhã que virá... O amigo atento vai estar ao lado, é o que penso. Aquele que, ao contrário, espera somente a aprovação de seus atos pelos que considera amigos, da amizade não sabe bem. A crítica construtiva é da amizade sincera, permite evoluir, aponta caminhos. A amizade de verdade é para os iluminados. Os pobres de espírito não têm amigos de fato, mantêm apenas conviventes sazonais. O que não absorve a crítica do amigo, nem que seja para refletir, amigo não é, por faltar o elemento essencial da confiança. Afinal, quando a censura não vem com a flecha da ofensa ou humilhação é construtiva. Exatamente por essas nuances as amizades de verdade são raras, pois são mais que louvação superficial, cômoda e indiferente ao efeito. Amigo mesmo ajuda o outro a corrigir o curso equivocado que eventualmente tenha tomando. Pela amizade decorre até o encontro de opostos em ideias, mas convergentes em ideais, pelo respeito e admiração a postura adversa, rival, mas não inimiga. Nem sempre amigos estão fisicamente juntos. Por admiração, existem até amigos  desconhecidos, pasmem. Aparecem quando não se espera e são especiais porque não foram antes correspondidos. Dizia o poeta Vinicius que saberia viver sem Amor, mas não saberia viver sem amigos... Decifremos nossos genuínos amigos para considerá-los e dignificá-los e sejamos atentos para bem exercer a amizade. 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia