JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 11 de abril de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Central de Vacinas recebeu 30 dias antes doses vencidas dia 31

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

03/04/2021 - 11:35:46. - Por Wellington Cardoso Última atualização: 03/04/2021 - 11:39:07.

Vai render

Com CEI instalada pela Câmara e lista de vacinação conhecida, o “fura-fila” será assunto para no mínimo dois meses. E o desfecho da investigação, imprevisível.

Sinalização

Como havia grupos prioritários de vacinação muito restritos no início dela, há sinais claros de que realmente houve “fura-fila”. Resta saber a extensão e a motivação.

Lupa

Presidente da CEI do “Fura-Fila”, Jamal, e seus colegas passam o fim de semana olhando com lupa a lista, sobre a qual não faltarão questionamentos.

Engatinhando

E os trabalhos da comissão nem começaram.

Curiosidades

Dentre os curiosidades da lista estão estudantes a partir de 21 anos, enquadrados como trabalhadores de saúde, sem a indicação de local de atividades.

Departamentos

Assim como chefe e servidor de departamentos da Prefeitura sem qualquer ação de campo contra o vírus.

Para todos

Também profissionais de saúde não enquadrados naquele momento na lista de prioridades (linha de frente) foram vacinados.

Denúncias

À época, até mesmo médicos denunciaram a vacinação de colegas que não estavam atuando no enfrentamento à Covid-19, mas apenas em seus consultórios particulares ou até licenciados.

Cemitério

Chama a atenção também os variados vacinados com lotação no cemitério, mas citados como trabalhadores de saúde. E ainda há os coveiros, mencionados como tal.

Outros

E somam mais de 1 mil 700 vacinados como trabalhadores de saúde, mas com atividade profissional citada como “outros”.

Assessores

Parecem ter sido igualmente beneficiados alguns assessores de secretarias.

Incoerência

Enquanto Guardas Municipais, PMs, policiais penais e civis ainda não foram vacinados, na lista figuram servidores sem qualquer ação de linha de frente.

Linha de frente

Assim como os GMs, os agentes de Fiscalização de Posturas, em campo deste março do ano passado, não foram vacinados.

Na frente

Os bombeiros receberam doses já no início da campanha, diferentemente dos seus colegas da segurança pública.

Critério

Lote de vacinas a ser recebido nesta terça-feira tem doses destinadas à segurança pública, mas os critérios ainda não são conhecidos.

Quem?

Integrantes de quais instituições o Estado está incluindo para vacinação neste momento? Todas? Ou deixará a seleção por conta do município?

Quantidade

Também não está claro quantas doses do lote são destinadas às forças de segurança.

Vencimento

Frascos de vacina com vencimento no dia 31 de março foram entregues pela Superintendência de Saúde à SMS no dia 1º daquele mês.

Planejamento

A chamada às pressas de pessoas fora da faixa de idade ou de profissão prioritária evidenciou a falta de controle do estoque e do planejamento de aplicação. Ou descuido.

Extra

A convocação extra (de 65 a 70 anos) e de forma seletiva, no dia 29, chegou a ser considerada fake pela Secretaria de Comunicação.

Trapalhada

Mais uma trapalhada da equipe que renderá dores de cabeça aos superiores na Comissão de Investigação.

Do contra

Dentro da Secretaria de Saúde houve opiniões contrárias à vacinação de estudantes quando o assunto entrou em pauta.

Ignorados

Vozes que alertavam para o fato de que muitos universitários de Medicina não estavam na linha de frente, diferentemente daqueles que já estagiavam em hospital.

Desculpa

E, em uma das festas de estudantes flagradas pela patrulha mista GM/Posturas/PM, a desculpa dada aos agentes é que a turma estava vacinada.

Em curso

Até agora nada vazou sobre a apuração que a Controladoria faria sobre as listas de vacinação.

Entregaram?

Nem se as recebeu no prazo de 10 dias das instituições que as fizeram, como foi ficou determinado no Plano de Vacinação publicado com o procedimento já em curso.

Dividida

Se houve “fura-fila”, como parece ter havido, com a colaboração das instituições que apontaram as prioridades do primeiro momento, isso também aparecerá.

Conferência

Cada instituição definiu as suas prioridades e faltou conferência, o que seria feito com a apuração anunciada. E o será pela CEI, segundo o presidente Jamal.

Solidariedade

Casa Espírita de Scheilla adotou medidas sanitárias e não parou sua assistência aos carentes, distribuindo 15 mil marmitex e milhares de máscaras durante a pandemia

Histórico

O Centro do Bairro Fabrício, presidido pelo médium Fábio Antônio da Costa, é um dos dezenas fundados pessoalmente por Chico Xavier.

 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia