JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 18 de novembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Medo da violência prejudica o censo agropecuário na região de Uberaba

IBGE realiza em Uberaba coleta de informações para o Censo Agropecuário 2017, mas os números estão abaixo do esperado

- Por Geórgia Santos Última atualização: 01/12/2017 - 08:25:23.

Foto/Divulgação

Chefe da agência local do IBGE, Fernando Ozcariz França Resende, informa que os recenseadores estão todos devidamente identificados

IBGE realiza em Uberaba coleta de informações para o Censo Agropecuário 2017, mas os números estão abaixo do esperado. O levantamento começou a ser realizado em outubro e deve ser concluído em fevereiro de 2018. Até o momento foi possível coletar informações de apenas 20% das propriedades previstas e a expectativa era de que, nesse período, ao menos 40% dos locais já tivessem sido visitados; por isso, o IBGE alerta os produtores.

Apenas em Uberaba, o IBGE deve visitar 1.881 propriedades, conforme a previsão feita a partir do último Censo Agropecuário, realizado em 2007. Contudo, desta vez, de acordo com o chefe da agência local do IBGE, Fernando Ozcariz França Resende, o índice de coleta está baixo, quando se compara com outras regiões. A equipe está tendo problemas quanto ao acesso às propriedades. Devido à violência no campo, muitos produtores temem permitir a entrada de pessoas desconhecidas.

“Compreendemos essa situação, mas, como o serviço precisa ser feito em benefício do desenvolvimento do setor, é preciso que o produtor permita o nosso acesso. Todos os funcionários estão identificados, com boné, colete e crachá do IBGE. Inclusive, no crachá tem um telefone 0800 no qual a pessoa pode ligar para confirmar a veracidade”, explica Fernando.

Além disso, o chefe da agência local do IBGE explica que os produtores não precisam se preocupar em estar passando as informações solicitadas. “Os dados que coletamos não cruzam com dados dos órgãos de fiscalização. As informações são divulgadas apenas de forma ampla, de todo o município, e não de forma individualizada. Não é possível identificar o produtor que visitamos”, esclarece Fernando.

Vale ressaltar que o objetivo do Censo Agropecuário é retratar a realidade do campo em diversos aspectos e, a partir disso, elaborar políticas públicas.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia