JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 28 de fevereiro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Motoristas se queixam de trânsito lento em cruzamento da João XXIII

Substituição de rotatória por semáforos teria atrapalhado o fluxo de veículos no sentido Volta Grande-centro, na confluência com a Segismundo Carlos Ferreira

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

- Por Geórgia Santos Última atualização: 04/11/2017 - 10:14:06.

Sandro Neves


Após a retirada da “rotatória do Chico Xavier”, ajustes nos semáforos ainda são necessários para o trânsito fluir melhor

 

Motoristas pedem avaliação dos tempos de semáforos em cruzamento da avenida João XXIII com a rua Segismundo Carlos Ferreira, para dar mais agilidade ao trânsito. O local passou por mudanças recentes e a então “rotatória do Chico Xavier” foi retirada para instalação de semáforos. Entretanto, motoristas e comerciantes da região chamam a atenção da Secretaria de Defesa Social, Trânsito e Transportes para a necessidade de adequações.

De acordo mensagens enviadas por leitores ao Jornal da Manhã, com a implantação dos semáforos, o trânsito ficou “travado”, fez surgir uma extensa fila de veículos na avenida João XXIII, no sentido rodovia-centro, gerando congestionamento. Muitos reclamaram, sobretudo motoristas, que o semáforo fica aberto por pouco tempo. A situação aconteceu no primeiro dia em que houve a liberação, houve melhora, mas ainda há congestionamento. Ontem, no período da manhã, o trânsito no local voltou a ficar travado.

“Realmente, no primeiro dia houve transtornos, alguns motoristas ficaram confusos, mas aconteceram adequações e a situação melhorou. Ajustes ainda serão realizados, mas já está bem melhor do que o primeiro dia, quando acionamos para teste”, explica o superintendente de Trânsito, Ulisses Lamas.

Apesar de o novo sistema de trânsito ter sido implantado há mais de duas semanas, o superintendente destaca que os ajustes vão acontecendo dia a dia e que é feito acompanhamento diário. Segundo Ulisses, houve uma mudança no local e é preciso de tempo para compreender como funcionará o trânsito e, a partir disto, realizar os ajustes necessários. Ele lembra que o propósito da alteração foi gerar mais segurança para quem trafega no local. “Mantemos um contato constante com pedestres e comerciantes da região. E, como a segurança é primordial, percebemos que, com a mudança, a travessia de pedestres ficou mais segura, e a prioridade é essa, nos preocupamos com a fluidez, mas é preciso garantir segurança”, afirma Ulisses.

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia