JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 29 de julho de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Continua a vacinação contra a Covid neste sábado, em Uberaba, com alterações no público-alvo

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

19/06/2021 - 10:04:06. Última atualização: 19/06/2021 - 12:13:04.

Neste sábado (19), a vacinação contra a Covid-19 em Uberaba, conta com o acréscimo de dois públicos-alvo, que são os Conselheiros Tutelares, que serão vacinados na ABCZ, e os trabalhadores da educação Básica acima de 18 anos, que serão vacinados Fundação o de Esporte e Lazer.  As imunizações dos públicos acontecem das 8h30 às 16h.

Segue ainda a vacinação das pessoas remanescentes dos demais grupos da vacinação que ainda não compareceram, sendo gestantes e puérperas, também na Funel, além de profissionais de saúde, pessoas com comorbidades, todos a partir de 18 e idosos acima de 60 anos, que se imunizam na ABCZ.

O Governo Municipal ressalta que a vacinação na ABCZ acontece no Centro de Eventos com entrada pela Av. Barão do Rio Branco, somente para pessoas a pé.

Todos os públicos profissionais, devem ser trabalhadores ativos, e todos os públicos, em geral, devem apresentar documento de identidade com foto, CPF e comprovante de residência de Uberaba, além da documentação comprobatória para cada categoria.

Os profissionais de saúde devem apresentar: uma declaração de registro ativo junto ao Conselho Profissional, a Carteira Profissional de Minas Gerais e o Termo de Responsabilidade preenchido e assinado, assegurando possuir vinculação ativa como trabalhador de serviço de saúde. O termo está disponível no site uberabacontracovid.com.br.

Pessoas com deficiência permanente sem cadastro no BPC, acima de 18 anos, e pessoas com comorbidades, acima de 18 anos, devem apresentar um documento comprobatório da condição de saúde da pessoa, que pode ser baixado o modelo único também no site.

Trabalhadores da Educação Infantil, acima de 18 anos, e trabalhadores da Educação Básica, acima de 25 anos, devem obrigatoriamente apresentar uma declaração assinada pelo diretor da instituição de ensino confirmando a vinculação da pessoa junto à escola. O modelo padrão dessa declaração está disponível no site. É também obrigatória uma cópia do holerite ou de documento similar grampeado à declaração.

Já a vacinação de gestantes e puérperas sem e com comorbidades está condicionada à apresentação de um laudo médico. 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia