JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 27 de outubro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Aeroporto de Uberaba está entre os 24 terminais que serão privatizados em 2021

Inicialmente, lotes seriam privatizados somente em 2022

25/09/2020 - 00:00:00. - Por Daniela Brito Última atualização: 25/09/2020 - 06:49:19.


JAIRO CHAGAS


Medida atinge diretamente o aeroporto de Uberaba, que também será privatizado

Ministério da Infraestrutura vai agilizar o processo de privatização do aeroporto de Congonhas, em São Paulo e do aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. Medida atinge diretamente o aeroporto de Uberaba, que também será privatizado, dentro do bloco de concessão do aeroporto Santos Dumont.  

Os terminais de São Paulo e Rio de Janeiro encabeçam a sétima rodada de concessões e são considerados os mais rentáveis para a Infraero. O pacote destas concessões estava previsto para 2022, mas deve ser acelerado para ocorrer ainda no primeiro semestre de 2021. O plano inicial era que esse processo fosse iniciado apenas em dezembro, após a conclusão da sexta rodada, que inclui aeroportos da região sul.

Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, o ministro Tarcisio de Freitas está com pressa de conceder os dois aeroportos à iniciativa privada. A intenção é realizar todas as privatizações, de 24 terminais aeroportuários, antes das eleições presidenciais de 2022.

Com isso, a 7ª rodada de concessões será antecipada para o primeiro semestre de 2021. O edital deve ser lançado ainda em outubro. A partir daí, o edital dará um prazo de 180 dias para que as propostas sejam recebidas e analisadas, antes que os finalistas sejam habilitados seguindo o rito da Lei de Licitações (n.º 8.666).

Além dos aeroportos de Uberaba, o bloco ancorado pelo Santos Dumont também inclui os aeroportos de Uberlândia, Montes Claros e Jacarepaguá (RJ). Já no bloco em que Congonhas é âncora estarão também o Campo de Marte, São José dos Campos, Campo Grande, Corumbá e Ponta Porã. 

Leia mais

Continua depois da publicidade

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia