JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 27 de outubro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Programa Criança Feliz faz atendimento remotamente

22/09/2020 - 07:18:23. Última atualização: 22/09/2020 - 07:21:39.


Com o 'novo normal' a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Social teve que adaptar várias ações para dar continuidade no atendimento do seu público. Exemplo disso é o Programa Criança Feliz que antes da pandemia atendia cerca de 800 crianças, de 0 a 3 anos beneficiárias do Bolsa Família, de 0 a 6 anos do Benefício de Prestação Continuada - BPC e gestantes, também do BF.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Social (Seds) Marco Túlio Cury, o Programa do Governo Federal tem como objetivo apoiar e acompanhar o desenvolvimento infantil integral na primeira infância e facilitar o acesso da gestante e da família, às políticas e aos serviços públicos que necessitam e vem se destacando pelo desempenho apresentado até hoje.

De acordo com a secretária adjunta da Seds, Gabrielle Palvas, diante da impossibilidade dos 50 visitadores, estagiários em psicologia ou pedagogia e três supervisores pedagogos e psicólogos fazerem atendimentos presenciais, a solução foi criar canais virtuais com os inscritos. “Tivemos de criar formas de manter o atendimento para que essas famílias não fossem prejudicadas”, salientou.


Uma dessas alternativas foi a criação de vídeos educativos enviados aos responsáveis, semanalmente, com atividades que podem ser realizadas em casa para o desenvolvimento infantil e o fortalecimento de vínculos. Gabrielle destaca que essa prática está sendo muito bem recebida pelas famílias. “Nesses vídeos nossa equipe demonstra como a mães e as crianças devem fazer essas atividades”, disse.

Outra alternativa são as cartilhas educativas para informar às famílias sobre seus direitos e a importância do fortalecimento de vínculos e o desenvolvimento infantil, de acordo com as fases dessas crianças. A secretária destaca a receptividade e as resposta das famílias de forma mais ativa e interessada.

Com a mudança de endereço da sede da Seds para a rua Alaor Prata, no prédio do antigo Fórum Melo Viana, o Programa Criança Feliz ganhou novo espaço, anexo ao prédio da Secretaria. "No local será possível montar briquedoteca, um espaço lúdico onde, assim que o Comitê Técnico Científico permitir e essa pandemia acabar, poderemos receber essas crianças com suas mães ou responsáveis para a continuidade dos atendimentos", afirmou. Com isso, ressaltou, será possível avançar muito no Programa e toda a população será beneficiada.  


Leia mais

Continua depois da publicidade

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia