JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 06 de julho de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Salas de musculação devem ser as primeiras do setor a reabrir, afirma chefe da Vigilância Epidemiológica

29/06/2020 - 15:48:25. - Por Carol Rodrigues Última atualização: 30/06/2020 - 09:13:48.

Foto/Arquivo


O chefe do Departamento de Vigilância Epidemiológica, Robert Boaventura, destaca a variedade de serviços no ramo de academias como complicador da reabertura

Salas de musculação devem ser as primeiras no ramo de academias a reabrir, afirmou o chefe do Departamento de Vigilância Epidemiológica, Robert Boaventura, durante entrevista à Rádio JM, nesta segunda-feira (29).

Para voltar a funcionar, o estabelecimento de musculação precisaria seguir regras semelhantes às que proporcionaram o retorno do consumo local em restaurantes e bares, como quantidade mínima de clientes e normas de higiene sanitária, enfatiza Boaventura.

O titular do Departamento manifesta que o ramo de academias não é simples de ser analisado devido à diversidade de atividades, como de aula de dança, de esporte físico ou coletivo e outros, além da variedade de locais onde os serviços são ofertados. “Quando você fala em abrir academia, você tem que pensar que não é só academia comercial, que tem a academia de condomínio. Em nossa cidade, nós temos academia dentro de clube”, exemplifica Boaventura.

Segundo ele, também é analisada a proposta de academias ao ar livre, que seriam o ideal. “Temos poucas academias que, vamos dizer assim, têm muitas janelas, têm uma ventilação natural.” A proposição é estudada em conjunto com a Fundação Municipal de Esporte e Lazer de Uberaba (Funel).

Conforme a última atualização do Decreto nº 5.555/2020, publicada no Porta Voz de 26 de junho, permanece proibido o funcionamento das academias de ginástica, dança, lutas, pilates, musculação, estúdio de personal, treinamento funcional, natação, crossfit e similares.
 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia