JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 06 de julho de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Retirada de bancos do calçadão chegou a ser estudada para evitar aglomeração

30/05/2020 - 00:00:00. - Por Daniela Brito

Foto/Jairo Chagas


Retirada de bancos do calçadão foi estudada pela Prefeitura, mas geraria risco de acidentes com parafusos

Secretaria de Defesa Social estudou a retirada dos bancos do calçadão, porém, a ideia não avançou, conforme revela o titular Wellington Cardoso Ramos. A medida poderia minimizar aglomeração de pessoas que vem sendo registrada no local devido à reabertura, ainda que parcial, do comércio.

De acordo com ele, os bancos são fixados por parafusos contrários e, ao retirá-los, ficariam expostos, o que poderia gerar risco aos transeuntes. “Neste caso, teríamos que serrar os parafusos. Mas, como acreditávamos que esta situação não demoraria tanto, seria um trabalho inócuo”, diz. Houve ainda a ideia que colocar blocos em cima dos bancos, impedindo que as pessoas se sentassem, mas, segundo o secretário, a ideia também não se tornou viável.

Wellington Cardoso também revela que houve a proposta, por parte da promotora de Saúde, Cláudia Alfredo Marques, de fechar o calçadão da Artur Machado para minimizar as aglomerações. No entanto, ele afirma que não resolveria a situação, pois aumentaria o fluxo de pessoas na rua Major Eustáquio. O secretário diz que o local recebe em média, em dias normais, em torno de dez a doze mil pessoas. Muitos passam pelo calçadão para utilizar a estação do BRT na avenida Leopoldino de Oliveira. Para ele, as pessoas devem é ter consciência e circular no centro somente quando necessário e evitar ficar sentadas nos bancos.  

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia