JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 31 de maio de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Ex-servidor da Prefeitura afirma não ter recebido seus direitos após desligamento em novembro

A secretaria de Fazenda retruca, informando que não há nenhum processo parado no Financeiro

01/04/2020 - 00:00:00. - Por Michelle Rosa

“Já são quase cinco meses e nada de pagamento”, desabafa ex-servidor da Prefeitura de Uberaba ao JM Online. Essa não é a primeira vez que ele pede socorro à reportagem sobre o mesmo assunto e continua sem resposta para a mesma pergunta - quando irá receber?

Em fevereiro deste ano, o ex-servidor contou que pediu desligamento das funções que exercia no município em novembro de 2019. Na época, ele foi informado que receberia seus direitos em 30 dias.

“Não vi o dinheiro até hoje. Já fui no RH várias vezes. A prefeitura fez festa, pagou aniversário a cidade e agora tem esse decreto. Quero saber quando é que vou receber”, questiona.

Em contato com a Prefeitura em fevereiro, a reportagem do JM Online foi informada pelo secretário de Fazenda, Wellington Fontes, que os processos estavam em fase de formalização (empenho e liquidação) e assim que chegassem no Departamento Financeiro seriam pagos em 48 horas.

Desta vez a Secretaria de Fazenda, diante dos questionamentos acerca de atraso em pagamento de folha de rescisão de ex-servidores, informou que não há processos parados no Departamento Financeiro, sendo que, até o momento, ao último processo encaminhado já foi efetuado o pagamento e refere-se ao Lote 2 das rescisões do mês de janeiro de 2020.

“Caso haja alguma pendência, e para mais informações, o ex-servidor pode procurar o RH Central da Prefeitura e verificar se ficou alguma pendência. Lembrando que hoje o trabalho na prefeitura está de forma escalonada, mas o atendimento poderá feito normalmente”, explica.
 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia