JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 07 de dezembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

Construção de estacionamento reduz espaço da Associação de Equoterapia

Entidade espera para o próximo mês a votação de projeto para a doação de área definitiva nas Chácaras Mariitas

23/07/2019 - 00:00:00. - Por Daniela Brito Última atualização: 23/07/2019 - 14:09:05.

Fábio Braga


Construção de estacionamento vai reduzir o espaço para a realização das atividades da “Equoterapia”, que continuarão sendo realizadas de forma precária na área

Obras do estacionamento para o Centro de Soluções Compartilhadas (CSC) da Mosaic Fertilizantes tiveram início ontem em área do Parque Tecnológico de Uberaba. A construção está sendo feita em parte do terreno utilizado pela Associação Mineira de Equoterapia. (AME). 

A presidente da associação, Elaine Alves Mariano, afirma que foi avisada do início das obras, mas não teve como evitá-las, por conta de a área não ser de propriedade da AME. “Nós fomos comunicados e já estávamos preparados, não pudemos fazer nada. Esta área não é nossa”, diz a presidente, explicando que a associação funciona em área pública, estando sem a concessão desde 2017.

O estacionamento do CSC da Mosaic vai ocupar a parte inferior do terreno da AME, onde estão instaladas as capineiras dos animais e as hortas. A inauguração do Centro de Soluções Compartilhadas da Mosaic já está marcada para o próximo dia 13”, diz.

Elaine diz que aguarda a doação de nova área para viabilizar a nova sede, com previsão de se localizar no loteamento Chácaras Mariitas. O projeto arquitetônico, segundo ela, foi apresentado em reunião realizada semana passada com o prefeito em exercício João Gilberto Ripposati. Ele foi desenvolvido pelo Instituto de Engenharia e Arquitetura do Triângulo Mineiro. (IEATM).

Com o início da construção do estacionamento da Mosaic, a presidente avalia que a atual sede da AME ficará acuada. Porém, ela assegura que a estrutura só deixará de funcionar no local após a definição de área com estrutura mínima para desenvolver as atividades de equoterapia. Por isso, a presidente defende a agilização de todo processo de doação da nova área, para que não haja prejuízo para as pessoas atendidas. “Isto porque, mesmo com a concretização da doação da área, temos que realizar investimentos para a associação funcionar no novo local”, esclarece. 

Conforme já divulgado pela Prefeitura, o projeto deve ser encaminhado em agosto para votação na Câmara Municipal. Por meio de nota, a Prefeitura diz que a comunidade pode ficar tranquila, ao esclarecer que o estacionamento que está sendo construído na Univerdecidade é uma área pública, com espaço para 50 veículos, que atenderá tanto os usuários da AME como do Ceta e empresas instaladas no entorno, não sendo, portanto, estacionamento exclusivo da Mosaic.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia