JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 31 de maio de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

CIDADE

HC/UFTM recebe tomógrafo do Estado para tratar doenças transmitidas pelo Aedes

Segundo o superintendente regional de Saúde, Ivan José, o processo para aquisição do aparelho começou em novembro

- Por Geórgia Santos Última atualização: 27/01/2018 - 08:43:25.

Secretaria Estadual de Saúde repassa ao Hospital de Clinicas novo aparelho de tomografia. A ação faz parte do projeto Unidade Sentinela no Combate às Arboviroses e o equipamento deverá ser usado preferencialmente para o tratamento de pacientes com doenças causadas pelo Aedes aegypti.

De acordo com Superintendente Regional de Saúde de Uberaba, Ivan José da Silva, o processo para aquisição do aparelho começou em novembro do ano passado, com o início do período chuvoso, quando aumenta a proliferação do mosquito Aedes aegypti e as doenças relacionadas. “Fizemos levantamento dos hospitais parceiros no tratamento e acompanhamento dessas doenças, e o Hospital das Clínicas, foi um dos escolhidos para ser referência no tratamento. Fizemos um pregão, e os hospitais de todo o Estado que foram selecionados irão receber um tomógrafo”, revela Ivan.

O superintendente explica que o tomógrafo é necessário, pois os pacientes acometidos com doenças, como a chikungunya, por exemplo, podem ter sequelas nas articulações e, por isto, precisam de acompanhamento. No caso da zika, os bebês que nasceram com microcefalia, também precisam fazer tomografias periódicas para acompanhar a evolução. Com isto, a necessidade de ter mais um equipamento no hospital, além do aparelho que já existe.

“Acredito que até o final do mês de fevereiro, ou início de março, o aparelho seja instalado. A empresa que venceu a licitação já entrou em contato com o Hospital de Clínicas, que por sua vez está adequando o espaço para instalação. No início do mês que vem a empresa faz visita ao hospital para verificar a estrutura”, explica Ivan.

Quando questionado sobre o investimento, o superintendente disse que a licitação foi feita pela Secretaria Estadual de Saúde, sendo assim, ele não sabe precisar o valor. Mas, conforme o preço de mercado, o aparelho custa em torno de R$1,2 milhão.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia