JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 07 de dezembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Enfim, teremos um heliponto no Hospital de Clínicas da UFTM

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

14/10/2021 - 21:23:06. - Por Lídia Prata Última atualização: 15/10/2021 - 06:29:47.

ENFIM, TEREMOS UM HELIPONTO!

Agora sim! Uberaba terá finalmente um heliponto decente para receber pacientes graves e vítimas de acidentes trazidos pelo Arcanjo 6 do Corpo de Bombeiros para atendimento de alta complexidade no  Hospital de Clínicas da UFTM.  Recursos para construção do heliponto serão garantidos pelo Estado. Foi o que garantiu o governador Romeu Zema ao deputado federal Franco Cartafina na manhã desta quinta-feira, anunciando a liberação de cerca de R$ 8,5 milhões para a obra. Melhor notícia impossível! 

A HISTÓRIA DO HELIPONTO

No final de 2019, quando ainda era comandante do 8º Batalhão de Bombeiros Militar, o Ten.Cel Anderson Passos provocou as entidades que compõem a SCO sobre a necessidade de um local adequado para pousos e decolagens do helicóptero Arcanjo 6. Contou, na época, as dificuldades para o transporte de pacientes com enfermidades graves, sobretudo vindo de outras cidades. O pouso era feito na Praça d´Abadia, ou no campo do UTC, e muitas vezes o traslado do paciente até o Hospital de Clínicas demorava mais do que o transporte aéreo, dadas as dificuldades com trânsito e manuseio de macas etc. Esse tempo poderia, em muitos casos, ser determinante para o êxito ou insucesso do atendimento médico-hospitalar. A partir daí a SCO partiu para a ação, convocando os representantes de Uberaba nas diversas esferas para viabilizar o heliponto. O deputado Franco Cartafina foi um deles. Mas foi justamente ele quem abraçou a causa e lutou por ela.  

VIVA!!!

“Recebi a confirmação do governador de que os recursos de mais de R$ 8 milhões estão garantidos pelo estado. É uma conquista para a saúde de Uberaba e região, que vai ganhar em agilidade no atendimento dos nossos pacientes e nos procedimentos de transplante de órgãos, por exemplo”, destaca Cartafina.

O projeto do heliponto foi apresentado pelo parlamentar ao governador Romeu Zema, em reunião em Belo Horizonte no dia 29 de setembro, com a presença do reitor da UFTM, Luiz Fernando Resende. “Na oportunidade, detalhamos o projeto e o governador se comprometeu a avaliar com sua equipe. A resposta veio rapidamente, com a confirmação da viabilização dos recursos para a construção. No início de novembro estamos aguardando a visita de Romeu Zema a Uberaba para o anúncio oficial”, completa. 

MÃOS DADAS

É inegável que quando a sociedade se une em torno de projetos de alcance coletivo os resultados aparecem. O heliponto é um exemplo clássico disso. No início, nem o pessoal da UFTM acreditava que daria certo. Mas resolveu tentar mais uma vez. O então prefeito Paulo Piau enviou à Câmara projeto desafetando a área em frente ao Pronto Socorro do HC para que a estrutura do heliponto pudesse ser erguida, prevendo, no térreo, um espaço de acolhimento às famílias dos pacientes que hoje ficam ao relento à espera de notícias. Presidente Ismar Marão agilizou a votação e defendeu pessoalmente o projeto junto aos vereadores da legislatura passada. Unimed custeou os projetos técnicos. Ao assumir o cargo, a prefeita Elisa se comprometeu a defender o heliponto e atuou firmemente junto ao governador para sensibilizá-lo, assim como o deputado federal Franco Cartafina, que encaixou o heliponto numa audiência com Zema destinada a outros temas. Agora, finalmente veio a boa notícia. Os recursos para a construção estão garantidos. Aleluia!  

PRA QUE ISSO?

Muita gente pode estar se perguntando: “para que esse heliponto? Que dinheirão ele vai consumir”. Respondo: tomara que esses eventuais críticos do heliponto nunca precisem ser transportados às pressas para atendimento de urgência, de alta complexidade. nem tenham um filho, um pai, um amigo acidentado nas estradas da região necessitando de socorro aeromédico. Mas, certamente, verão muitas vidas sendo salvas pela agilidade e rapidez no atendimento prestado pelo Arcanjo 6, pousando diretamente no HC. Além disso, pela proximidade com o Hospital São Domingos, outras aeronaves poderão se utilizar do heliponto para transporte de pacientes.  

EMPACADO

Se o heliponto está deixando de ser um sonho, o Monumento dos 200 anos está empacado. Segundo corre nos bastidores, ele não será terminado tal e qual concebido. Uma pena! É um projeto bonito, que valorizaria uma data histórica e a paisagem urbana. 

 

 

SHOW!

Em compensação, o governo municipal deverá licitar nas próximas semanas o projeto do Memorial Árvore da Vida, a ser construído na Univerdecidade, em frente ao cemitério das Candongas. O projeto ficou muito interessante. Concebido pela arquiteta Ana Carolina Pinheiro, o Memorial rende homenagem às vítimas da Covid-19 em Uberaba. Em entrevista ao programa O Pingo do Jota desta quinta-feira, o superintendente de Planejamento da Seplan, Luiz Mário Molinar Neto, contou que no entorno do Memorial serão plantados ipês de diversas cores e flamboyants mirins, sendo uma árvore para cada vítima. Se fossem plantadas hoje, seriam 1.336 árvores.    

VERDE QUE TE QUERO VERDE

O superintendente Luiz Mário revelou ainda que a Seplan está gestando projetos de valorização das praças de bairros, incluindo a periferia, para torná-las mais bonitas e aproveitáveis pela comunidade. A ideia é levar projetos vitoriosos, como o da Praça Por do Sol, para outras regiões da cidade. Parceria com a iniciativa privada para “adoção” desses espaços pode ser a alternativa para a valorização das praças. 

NA BRONCA

Ex-vereador Luiz Dutra está prontinho para deixar o MDB. A insatisfação de Dutra com a sigla não é nova, nem causa surpresa. Vem desde o ano passado, tendo como gota d´água o comportamento do MDB nas eleições municipais. Ele se sentiu desprestigiado pelos companheiros. Mas, agora, Dutra não apenas estuda opções de filiação partidária, como anuncia que pretende disputar as eleições para deputado estadual no ano que vem. 

CONVIDADO ESPECIAL 

Com livre trânsito em Brasília, presidente do IDF, Daniel Franco, foi convidado a discursar na quinta feira (13) no evento O Brasil e a África no Agro, promovido pelo Ministério das Relações Exteriores e Ministério da Agricultura e Pecuária. Além dos ministros, o evento contou com representantes de 32 países africanos. Daniel Franco é referência em cooperação empresarial através do brilhante trabalho que realiza em seu Instituto, que leva o nome de Uberaba, com foco no agronegócio, para todos os cantos do mundo. Ele também está atento à geração de emprego e renda e quer atuar mais firme nisso aqui na cidade.  No evento, o ministro Carlos França confirmou sua visita a Uberaba, a convite do presidente do IDF, para uma extensa agenda oficial. Uberaba sendo vista com bons olhos em Brasília. Esse vai longe...

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia