JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 10 de abril de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Subsolo da UPA São Benedito pode abrigar leitos para pacientes covid

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

05/04/2021 - 21:12:40. Última atualização: 05/04/2021 - 22:14:27.

 

Em abril de 2020, a UPA São Benedito foi totalmente preparada para receber pacientes Covid, em caso de necessidade. Segundo o secretário adjunto de Saúde da época, Luciano Correia de Paiva, a área estava pronta para a Funepu colocá-la em funcionamento. As fotos acima foram cedidas por ele com exclusividade à coluna.  

Não se sabe os motivos pelos quais o assunto não foi adiante, mas diante das dificuldades do município para abertura de leitos para pacientes Covid, a solução do subsolo da UPA São Benedito parece mais viável do que construir um hospital de campanha no estacionamento do Hospital Regional.

Vale destacar que essa área da UPA já dispõe de camas hospitalares e entrada para oxigênio. Está fácil de colocá-la em operação, de modo a atender mais de 30 pacientes em enfermaria, pelo menos.

MORTES COVID

O mês de março terminou com o registro de 3.861 novos casos e 176 mortes por Covid. O recorde do mês foi batido pela 13ª semana epidemiológica, com 913 novos infectados e 58 mortes, número que já é recorde desde o início da pandemia. Para a matemática Michelli Maldonado, coordenadora do Observatório Covid, da UFTM,  essa tendência de alta nos casos de Covid em Uberaba deve se manter em abril. Vale destacar que o mês nem bem começou e já registra 36 óbitos em apenas 5 dias. Fora os 7 casos em investigação. Desde o dia 1º até esta segunda-feira foram confirmados novos 608 casos, mantendo uma média superior a 120 casos novos por dia. Se esses números não baixarem, chegaremos ao dia 30 de abril com pelo menos 3.648 novos infectados na cidade. Pois é. E as pessoas continuam ignorando as medidas de prevenção…

LUZ AMARELA

No boletim epidemiológico divulgado agora à noite pela Prefeitura consta o óbito de uma moça de apenas 18 anos. Esta talvez seja a vítima mais jovem já registrada em Uberaba.

GENTE CABEÇUDA!

Números da Guarda Municipal revelam que só neste feriadão de Páscoa foram registrados 177 atendimentos a casos de desrespeito à onda roxa, resultando em 61 autuações. A maioria foi por falta do uso de máscara, com 28 autuações. Outras 23 autuações se deram por realização de eventos, tanto em residências (festas de aniversário, principalmente), quanto em chácaras. Uma dessas chácaras foi interditada. 

TEJE PRESO

Não bastasse realizarem festas nesse período de proibição, seis valentões tiveram de ser levados para um papo com o delegado de plantão. Resolveram desacatar os guardas municipais e a PM. Teve até um caso de agressão aos guardas, numa festa realizada no parque São Geraldo.

JÁ ERA

Toque de recolher foi suspenso hoje pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais, mediante acordo judicial firmado nos autos da ação popular proposta pelo deputado Bruno Engler contra o Estado. Que confusão, credo! A todo instante o Judiciário interfere nas decisões do Executivo, alterando as medidas de biossegurança. E o cidadão fica parecendo bolinha de pingue pongue, jogado de um lado para o outro, ao sabor das conveniências de uns e de outros.

QUEM ENTENDE?

Veja a confusão: primeiro o Supremo Tribunal Federal estabelece a competência de Estados e municípios para ditar suas próprias regras de enfrentamento à pandemia. Depois vem um ministro do mesmo Supremo interferir nas medidas restritivas para liberar os cultos presenciais, missas, etc. Agora vem esse acordo judicial esquisito com o Governo estadual se sobrepondo aos decretos municipais…  

QUE DESÂNIMO!

Ao ver o quantitativo das novas doses de vacina contra Covid destinadas a Uberaba não teve quem achasse aquilo “normal”. Aliás, o Estado entregou apenas 260 doses para serem repartidas entre pessoas com idade na faixa dos 65 a 69 anos e o pessoal das forças de segurança. Francamente. Parece piada!

DESORGANIZAÇÃO GERAL

Na avaliação do superintendente do Shopping Uberaba, Guilherme Vilela, o Estado deveria continuar seguindo a lista de convocados da semana passada, antes de convocar um novo grupo de pessoas para serem imunizadas. Já estavam convocados, mas não foram contemplados. Guilherme analisa que o Estado deve acreditar que todos os uberabenses da faixa de 65 a 69 anos foram vacinados antes da Páscoa, restando apenas 1,26% para completar o grupo. Mas essa análise do Estado está totalmente errada e ainda faltam muitos uberabenses com idade entre 65 e 69 anos à espera da vacina. Pior do que essa confusão é a falta de uma informação razoável que possa acalmar os ânimos desse grupo de pessoas que esperava ser imunizada agora.  

O certo é que Minas Gerais está patinando muito na organização do processo de vacinação. A cada nova remessa de vacinas é uma decepção para o povo mineiro...

CPP NA MIRA

O presidente da Câmara, vereador Ismar Marão, acredita que a transformação da CEI da Vacina numa Comissão Processante será inevitável. Mas não crê que chegue a ponto de ensejar a cassação do mandato da prefeita Elisa. A CEI terá 90 dias para concluir os trabalhos de investigação, prorrogáveis por mais 90. No entanto, no meio do caminho pode concluir que as irregularidades são graves e os seus membros pedirem a transformação da CEI em CPP.

DENÚNCIAS ESCANDALOSAS

Aliás, o presidente Ismar Marão revelou ao programa O Pingo do Jota desta segunda-feira que os vereadores têm recebido “denúncias escandalosas” sobre a aplicação das vacinas em Uberaba. Uma delas aponta que pessoas foram vacinadas e sequer estão trabalhando, quanto mais trabalhando na linha de frente da pandemia.

NOVA DESTINAÇÃO

Prefeitura estuda a viabilidade de sugestão publicada por esta coluna, no dia 11 de março, para a transformação de uma área no subsolo da UPA São Benedito, com saída de oxigênio, para a internação de pacientes Covid. Essa estrutura está pronta, só faltando equipá-la, e poderá perfeitamente substituir o Hospital de Campanha. Além da economia de recursos porque a estrutura física está pronta, a opção é mais rápida não apenas para implantação pelo município, como também para o tratamento inicial aos pacientes. Nem o transporte por ambulâncias seria necessário para os pacientes triados na própria UPA.

UNANIMIDADE

Os dois projetos de lei apresentados pelo vereador Túlio Micheli na sessão legislativa desta segunda-feira foram aprovados por unanimidade. Um deles impõe ao Município a obrigação de incluir novas informações nos boletins epidemiológicos, como número de pessoas que procuraram atendimentos nas unidades hospitalares apresentando síndrome gripal. Os boletins também terão de informar o número de testes realizados em pacientes a cada 24 horas, assim como pacientes não testados que, por opção médica, foram liberados. Por fim, a Prefeitura terá de incluir o número de pacientes ativos com a Covid e passíveis de retransmissão, e explicitar o número de óbitos ocorridos na rede pública separadamente dos óbitos na rede particular.

ESCALA DE PLANTÃO

Outro projeto de lei de autoria do vereador Túlio Micheli aprovado hoje torna obrigatória a apresentação da escala de plantão dos profissionais médicos nas unidades de pronto atendimento (UPAs), e também nas UBSs, Programa de saúde da Família e UPA da Criança, com a indicação das respectivas especialidades. Essa escala deverá ser divulgada pela PMU por meio de um link, onde deverá constar também o telefone da Ouvidoria de Saúde, para receber eventuais reclamações da população.

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia