JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 19 de setembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Naldo aglomera centenas de pessoas sem máscara em show sem autorização na capital mineira

Evento ocorreu neste sábado e o cantor tinha outra apresentação prevista para este domingo, que foi cancelada pela prefeitura da cidade

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

13/09/2021 - 13:55:12. Última atualização: 13/09/2021 - 14:00:01.

O cantor Naldo Benny realizou neste sábado (11) um show que reuniu centenas de pessoas no Bairro Nova Gameleireira, Região Oeste de Belo Horizonte. Por pouco, o artista não realizou uma outra apresentação neste domingo (12) na Pampulha, sob as mesmas condições inapropriadas, porém, a prefeitura conseguiu impedir o evento. 

Fotos e vídeos do show feito no sábado dentro do espaço La Mansão circulam pelas redes sociais. As imagens mostram os clientes sem máscaras e a maioria desrespeitou o distanciamento de dois metros entre as as pessoas fixado pelo município ambientes fechados. Por meio de nota, a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) confirmou que a atração não havia sido licenciada junto à Subsecretaria de Regulação Urbana
 
Segundo o Executivo Municipal, o licenciamento específico é exigido quando o estabelecimento não tem alvará para funcionar como casa de show, caso do La Mansão. O descumprimento da norma acarreta multa de R$ 18 mil. 
 
"Salve galera de BH, obrigado, que vibe, que astral, tô gostando muito. O flow não para nunca, certo? Vamos de novo!", disse o funkeiro nos stories.
 
Fiscais da PBH, contudo, encerraram o evento antes que ele entrasse no palco. Segundo os agentes, o bar foi multado em R$ 36 mil, pois é reincidente no descumprimento de protocolos sanitários. 
 
 
 
"Em relação ao Posto 9 Sport e Bar, na Pampulha, a PBH informa que o estabelecimento já havia sido interditado em janeiro deste ano por descumprimento dos protocolos sanitários e também já havia sido multado. Neste domingo, dia 12, a Fiscalização da Regional Pampulha constatou reincidência e uma nova multa foi aplicada. (O caso) será também encaminhado à Procuradoria Municipal para adoção de outras medidas cabíveis no âmbito judicial", diz a nota enviada ao jornal Estado de Minas. 
 
Já a equipe de Naldo Benny argumentou que todos os protocolos para prevenção e combate à Covid-19 exigidos pelas autoridades para realização de eventos cabem aos contratantes.
 
O Posto 9 Sport e Bar alegou que planejou a apresentação de Naldo para o formato acústico e simplificado e que possui alvará de funcionamento para o exercício da atividade de bar e restaurante com entretenimento. Ainda, acrescentaram que o decreto municipal permite eventos para até 600 pessoas e a apresentação foi limitada para apenas 150 convidados, capacidade bem abaixo da permitida.
 
O La Mansão não respondeu às tentativas de contato do Estado de Minas.
 
*Com informações do jornal Estado de Minas

 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia