JM Online

Jornal da Manhã 48 anos

Uberaba, 27 de novembro de 2020 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Convênio amplia acesso de pequenos produtores rurais do estado a soluções de melhoria genética do rebanho

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

20/11/2020 - 00:00:00.

Foto/Divulgação/Sebrae Minas

Diretor do Sebrae Minas João Cruz (esquerda) e o presidente do CRMV-MG Bruno Divino Rocha (direita)

Os produtores rurais de Minas Gerais terão maior acesso a soluções de melhoria genética do rebanho. A parceria foi firmada entre Sebrae Minas e o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de Minas Gerais (CRMV-MG). O convênio entre as instituições foi assinado nesta quarta-feira (18), pelo diretor técnico do Sebrae Minas, João Cruz e o presidente do CRMV-MG, Bruno Divino Rocha.

Desta forma, o Sebrae Minas passa a contar com a assessoria técnica e operacional do CRMV-MG na validação dos processos da solução Fertilização in Vitro (FIV), executada por meio do programa Sebraetec - Serviços em Inovação e Tecnologia pelas empresas e entidades credenciadas. “O CRMV vai nos apoiar tecnicamente, sobretudo trazendo uma visão moderna de integridade e de compliance”, explica o diretor técnico do Sebrae Minas, João Cruz.

Atualmente, 120 médicos veterinários, ligados a 16 prestadoras de serviço do Sebraetec, atendem 951 pequenos produtores em Minas Gerais com a solução FIV. “Com o apoio do Conselho, temos a certeza de que esse recurso que o Sebrae está aplicando será realmente utilizado de forma transparente e direcionada para promover a inovação tecnológica das pequenas propriedades rurais, por meio do melhoramento genético do rebanho”, destaca Cruz.

Para o presidente do CRMV-MG, Bruno Rocha, a parceria entre as duas instituições aumenta a credibilidade das soluções tecnológicas que estão sendo oferecidas aos pequenos produtores do estado pelo Sebraetec. “O nosso papel é o de garantir a qualidade da prestação do serviço aos produtores. Ele terá a certeza de que está fazendo uma parceria com um laboratório que foi averiguado pelo Conselho, que tem registro regular e capacidade técnica”, afirma.

Acesso à tecnologia

A proposta do Sebraetec - FIV é estimular  a utilização, pelos pequenos produtores, de técnicas que contribuem para o aumento da produtividade e o nascimento de animais geneticamente superiores. O programa subsidia em 80% o serviço de reprodução assistida nos rebanhos, o que favorece o acesso do segmento às tecnologias que possibilitam maior produtividade e competitividade.

O serviço de fertilização in vitro ainda é concentrado em grandes e médias propriedades, por conta do alto custo de sua execução. “Os pequenos produtores foram alijados ao longo do tempo de acessar essa tecnologia. O Sebraetec-FIV beneficia o segmento, promove o melhoramento genético, o desenvolvimento tecnológico e a inovação no setor, além de criar oportunidades de trabalho para diversos profissionais e empresas,  que também são pequenos negócios”, destaca o diretor técnico do Sebrae Minas, João Cruz.

Fertilização in Vitro

O processo de fecundação é feito em laboratório, com possibilidade de seleção genética tanto do macho quanto da fêmea. Os embriões produzidos são implantados em vacas que atuam como barriga de aluguel. A técnica garante a seleção de um rebanho com características específicas.

Consultorias subsidiadas

O Sebraetec é um programa nacional do Sebrae que oferece aos pequenos negócios acesso subsidiado a consultorias em inovação e tecnologia. Mais informações: 0800 570 0800 ou sebrae.com.br/minasgerais


Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia