JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 20 de novembro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

GERAL

Justiça condena homem que matou esposa por causa do volume da TV

O júri considerou o homem culpado pelo crime de feminicídio, mas descartou o motivo torpe

08/11/2019 - 00:00:00.

Foi condenado a 13 anos de prisão em regime fechado o homem de 39 anos que assassinou a ex-companheira com uma facada. O crime aconteceu no bairro Goiânia, em Belo Horizonte, em 8 de março, Dia Internacional da Mulher, deste ano.

De acordo com a denúncia do Ministério Público, na madrugada da data do crime, o casal estava assistindo TV, quando o pedreiro Cleuber Elias Santos, começou a discutir com a companheira, Lilian Maria de Oliveira, de 42, porque estava incomodado com o volume do aparelho. Após a discussão, ele foi até a cozinha, retornou e, com uma faca, golpeou o tórax da mulher.

O júri considerou o homem culpado pelo crime de feminicídio, mas descartou o motivo torpe. 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia