JM Online

Jornal da Manhã 47 anos

Uberaba, 18 de agosto de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

GERAL

IBGE prorroga inscrições para seleção de 209 temporários, entre recenseadores e agentes censitários

São 209 vagas ao total; salários chegam a R$ 2.100

12/06/2019 - 08:28:16.

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) prorrogou as inscrições para vagas temporárias para atuação no Censo Experimental. Ao todo, são disponibilizadas 209 vagas, sendo 180 delas destinadas a candidatos com nível fundamental para recenseadores e 29 para agentes censitários supervisores e municipais, que exigem ensino médio. Salários chegam a R$ 2.100. 

O Censo Experimental, previsto para acontecer entre setembro e novembro deste ano em Poços de Caldas (MG), será um ensaio geral para avaliar e aperfeiçoar os procedimentos previstos para o Censo 2020. As inscrições são exclusivamente online, por meio do site do Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade). A taxa é de R$ 42,50 para os cargos de Nível Médio, e de R$ 25 para o cargo que exige Ensino Fundamental. 

Veja as vagas ofertadas pelo IBGE para o Censo Experimental: 

  • 4 vagas para agente censitário municipal, de nível médio, cujo salário é de R$ 2.100
  • 25 vagas de agente censitário supervisor, de nível médio, com salário de R$ 1.700
  • 180 vagas de recenseador, de nível fundamental, cuja remuneração varia de acordo com o desempenho 

Os agentes censitários têm jornada de trabalho de 40 horas semanais, com contratos de até seis meses de duração. Já os recenseadores trabalham, no mínimo, 25 horas por semana, além de ter participação obrigatória nos treinamentos, contrato válido por até dois meses e salário de acordo com a produtividade. Eles têm flexibilidade de horário, mas quanto mais domicílios visitarem, mais recebem. 

A seleção será feita somente mediante prova objetiva, aplicada no dia 4 de agosto em Poços de Caldas. O resultado será divulgado no dia 29 de agosto e a convocação está prevista para os dias 2 a 6 de setembro.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia