JM Online

Jornal da Manhã 49 anos

Uberaba, 03 de dezembro de 2021 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Professora universitária cria plataforma de estudos para vestibulares e concursos públicos

Atualmente, a plataforma conta com 33 colaboradores, que trabalham em diversas áreas

#JornalDaManhã #QuemLêConfia
• WhatsApp: 34 99777-7900

14/01/2019 - 00:00:00.

A advogada e professora universitária Renata Machado Paiva, de 31 anos, sempre foi concurseira de carteirinha. Para conseguir um bom desempenho nas provas, ela estuda por conta própria e também recorre a cursos preparatórios. Há pouco menos de dois anos, entre um concurso público e outro, percebeu que os cursos existentes no mercado não ofereciam uma orientação de estudo eficaz. Foi quando ela teve uma ideia empreendedora e criou, em 2017, a Foca na Vaga, uma startup educacional que utiliza mecanismos de inteligência artificial para organizar e otimizar os estudos de quem concorre ao Enem, OAB, vestibulares e concursos.

“Com a gama de matérias que tinha para estudar, eu me perdia nas revisões e na definição de um ciclo de estudos. Como professora, observei que o mesmo ocorria com os meus alunos nos cursos preparatórios que ministrava. Então, a ideia tomou forma e decidi desenvolver um sistema adaptativo, que pudesse oferecer tudo num só lugar: materiais, questões, simulados, estatísticas e mecanismos capazes de acompanhar e orientar o aluno”, conta. A plataforma possui alunos de todos os estados.

A Foca na Vaga oferece 144 cursos e matérias isoladas disponíveis para estudo. São mais de 3.700 alunos inscritos na plataforma, a maior parte voltada para concursos públicos. “As principais inovações apresentadas na plataforma são: curso personalizável, permitindo ao aluno incluir ou excluir alguma matéria no todo ou em parte; revisões programadas de conteúdos e questões de acordo com a relevância; e o ciclo de estudos automático, que sugere ao aluno alternar as matérias, evitando que estude apenas as que gosta. Os estudantes que passam a utilizar o sistema Foca na Vaga relatam ter mais disciplina e adquirem o hábito de estudar diariamente”, explica.

Atualmente, a plataforma conta com 33 colaboradores, que trabalham em diversas áreas, como desenvolvimento e aprimoramento do sistema, marketing, atendimento e professores conteudistas. Segundo Renata, a ideia agora é desenvolver os aplicativos para Android e IOS, com a funcionalidade de estudo off-line. “Também queremos ampliar o número de cursos ofertados, aprimorar os cursos já disponibilizados e ampliar ainda mais o banco de questões que, hoje, conta com mais de 200 mil exercícios de provas anteriores", planeja.

No final de 2019, a equipe da Foca na Vaga participará do Congresso Internacional de Inovação Tecnológico de Monterrey, no México, para apresentar a plataforma. O convite do Comitê Organizador foi feito em novembro do ano passado. “Teremos a oportunidade de oferecer o sistema, por meio de transferência de tecnologia, para mais de 30 países, principalmente, para a América Latina”, conclui entusiasmada.

 

 

Siga o JM no Instagram: @_jmonline
e também no Facebook: @jornaldamanhaonline

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia