JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 18 de fevereiro de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Jorge Nabut JORGE ALBERTO 30/01/2019

CHÁ DE FRALDAS

PÁGINA de hoje ilustrada com imagens do chá de fraldas preparado pela avó paterna de Elisa, uma das crianças mais aguardadas da temporada. Irani Rosa tudo organizou, com o maior capricho, e fez questão de servir champagne para o chá da herdeira do filhão, José Elias de Resende Júnior e Leisa Barros Cecílio. Avó materna, Ângela Barros Cecílio, ajudou a animar a comemoração de boas-vindas à neta.

Fotos/Vaniana Helou


Júnior e Leisa com a avó materna de Elisa, Ângela Barros Cecílio, mais Lara Mendes e as filhas Joana e Júlia

DE BOM GOSTO

CASAMENTO de Paula Vilela Árabe e Diego Fernandes, no dia dois de fevereiro, na Capela do Colégio Marista, é um dos motivos a mais para idas e vindas à Casa Verde. Os casamentos chegam com tudo para animar o mês que se inicia. E para os noivos que ainda não fizeram lista de presentes na Casa Verde, ainda é tempo de escolher as peças mais desejadas na loja da rua São Benedito.

Foto/ Wesley Sanchez


Novidades chegam, um dia atrás do outro, à Casa Verde; com tudo para os casamentos de fevereiro

REZANDO EM PORTUGAL

MUITOS brasileiros vão a Fátima rezar. Local que não me tocou quando estive lá. O global Zeca Camargo, um dos brasileiros mais viajados, preferiu rezar em Santa Maria do Bouro, em Amares, norte de Portugal. Como já reportei aqui, várias vezes, é no mosteiro desta localidade que nasceu a devoção a Nossa Senhora da Abadia. De lá, foi para Goiás, depois veio para o Triângulo Mineiro.

Foto/Marise Romano


O CARA Dos mais estimados e comunicativos da cidade, Randolfinho Borges Filho emplacou mais um niver, ontem, 29 de janeiro


DIPLOMA Isabela Gennari cola grau em Direito, hoje, pela Universidade de Uberaba


Bela Thaís Nara Lima Silva cola grau em Direito, participando de todos os festejos de formatura, hoje e amanhã

Fotos/Vaniana Helou


10! – Patrícia Helena e Pedro Emídio de Freitas Júnior com o filho Pedro Neto, aprovado no vestibular de Medicina na UFTM


Nelson Luiz Alves Teodoro Júnior comemora colação de grau em Direito, hoje


Na Fazenda Santa Fé, em Araguaína, encontro dos primos Marco Antônio, os irmãos Juliana, com o marido, Rodrigo, Renatinha e João Carlos Cicci, mais Maria Lúcia Brito e as irmãs Olésia Borges e Olina

SANTA MARIA DE BOURO

VOLTO ao assunto sobre localidade em Portugal, por causa da observação muito interessante do jornalista Zeca Camargo: “Santa Maria do Bouro foi repensado como uma pousada [hotel-convento] no roteiro histórico de Portugal, pelo premiado arquiteto Eduardo Souto de Moura. Trata-se de um dos lugares mais espetaculares onde já repousei. À beleza histórica deste convento de mais de cinco séculos somam-se as linhas arrojadas e contemporâneas do projeto, resultando num espaço que, sem clemência, demanda veneração, não pelo seu aspecto religioso, mas pela elegância de suas formas. No meio da excitação, era difícil lembrar que, mais uma vez, eu estava indo dormir num lugar onde a ideia original era rezar. E, novamente dividido entre o monástico e o majestoso, escolhi ficar com o divino”.
• Taí mais um espaço para os uberabenses se hospedarem e rezarem quando forem a Portugal. Diárias a partir de R$340,00.

BOLSA DE VALORES

ENQUANTO as ações da Vale baixam, por conta do rompimento de barragens em Brumadinho, nos Estados Unidos, a Uber dá início a processo de lançamento de suas ações na Bolsa. Avaliada em US$120 bilhões (R$470 bilhões), esta pode ser a maior oferta do ano e uma das cinco maiores ofertas de todos os tempos. Outra startup que chega com tudo em 2019 é o Airbnb, que está bombando como canal de aluguel de hospedagem pela internet.

TAPETE VOADOR

Verde que te quero verde – Rompimento de barragens em Brumadinho – mais uma faz o trabalho fantástico dos bombeiros, heróis de cada dia – traz à pauta diárias questões de preservação do meio ambiente no país. Não é assunto fácil nem animador. 41% da exploração de madeira em Mato Grosso é ilegal, conclui estudo que mapeou a atividade no Estado com imagens de satélite e as comparou com autorizações de corte.
Ainda anão – Interessante os coordenadores dos resgates em Brumadinho dizerem que ainda não necessitam de doações. Vamos aguardar, então.
Para Depois do Ódio – Morte de Marcelo Yuka, no início do mês, é oportunidade para reouvirmos obras-primas do disco Rappa Mundi, o primeiro da famosa banda. Ali estão músicas, ou depoimentos contundentes, tornadas inesquecíveis na voz incomparável de Falcão. Há muito fora do Rappa, ano passado Yuka, no melhor de seu estilo virulento, lançou Canções Para Depois do Ódio, cujo título já diz tudo. Como ainda não conheço, pode ser minha companhia musical para este fim de semana. E, também, minha sugestão para o leitor interessado nesse tipo de produto musical muito brasileiro.

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia