JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 20 de junho de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Colunas

Lídia Prata
Jorge Nabut JORGE ALBERTO 08/01/2019

PONTES AÉREAS

SEMPRE descolada Maria Cecília de Castro Cunha recebeu amiga Maria Antonieta de Queirós Aguiar, esposa de um dos maiores criados de cavalo árabe do país, para festivo almoço. Nêta, como é conhecida, fez belo réveillon na fazenda, em Araxá, antes de decolar para Cascais (Portugal) onde sua família tem residência.

Foto/Jorge Alberto


 HOSTESS Maria Cecília de Castro Cunha recebeu amiga Neta para almoço de apresentação a grupo de próximos

 
Maria Cecília Castro Cunha com Tuca Antônio, Cristina Champs, Ana Miriam Vasques e Neta

  
Luciano Martins e Cido, o colunista, Túlio Oliveira, Marcelo Cardamoni e Nelson Champs 
Recebidos em casa de Maria Cecília

PAISAGISMO TROPICAL

POR conta do nacionalismo que toma conta do país, as plantas tropicais estão nos projetos de Alexandre Lico. As espécies brasileiras, descobertas e valorizadas por paisagistas como o francês Glaziou (1828 – 1906) e o brasileiro Burle Marx e usadas por Alexandre, os leitores encontram na AF Garden Center, na avenida Nenê Sabino.

 
Plantas tropicais dominam os novos projetos de Alexandre Lico

  Foto/ Marise Romano
 
IN THE AIR Tales Martins Londe e a noiva Tatiane de Oliveira curtiram feriado e fim de semana sempre juntos

 Foto/ Marise Romano
 
Daniela Elisabete da Silva Pinto e Gustavo Guarato foram os noivos do último sábado antes da virada, (29), na Catedral Metropolitana de Uberaba

Fotos/Babi Magela

Miguel comemorou primeiro aniversário em 29 de dezembro e ganhou carinho especial dos avós, nossos amigos dos grandes momentos, médico bem-sucedido Pedrinho Misiara e a queridíssima Vera

Miguel com a mãe, Janisse Misiara os tios Anelise e Lucius Martinelli
 

Foto/Ramon Magela

Nossa querida fotógrafa Babi Magela com a sobrinha Larissa, que fez um ano, com direito a festa no Ramon Studio Photo

 

 

 

 

 

 

 

 

 Foto/ Marise Romano 
Nutricionista Paula de Araújo Ribeiro colore a página de hoje

 

LIQUIDA REGINEZ E MID

COMEÇOU o Liquida Reginez e Mid. Momento para comprar móveis e objetos de decoração, com super descontos. A tradicional liquidação dá descontos que vão até 50% em mesas de jantar, laterais e de centro, carrinhos bar, vasos, fruteiras, bandejas, aparadores, lustres e outras peças. As duas marcas estão lado a lado, na Av. Barão do Rio Branco 1301. Aproveite! No Instagram, @enjoymid, @reginezuberaba.

 
Reginez começou 2019 com descontos de 20% a 50%


Cilinha e Washington Ribeiro com a filha Giovanna e o namorado Marcus Vinicius Brimi curtiram a virada na Riviera de São Lourenço


Luiz Guaritá Neto recebe em seu escritório o bem-sucedido sobrinho, advogado Marcelo Guaritá Bento, sócio da Peluso, Stupp & Guaritá, referendado escritório tributário de São Paulo; Marcelo estará montando mega filial, aqui, com 60 advogados 

 
Atento advogado e professor de música, Fabrício Rodrigues passou a virada em Ouro Preto, onde se colocou a par de tudo, inclusive conhecendo preciosa coleção de obras de Alfredo Ceschiatti (na foto, à dir.), o escultor de Brasília, pertencente à sua sobrinha, senhora Ângela Ceschiatti


OTIMISMO/2019

NEM tudo foram flores no campo da cultura, em 2018 dificultando visualizar otimização em 2019, na gestão pública. Se houve acertos nos shows na Concha Acústica, o abandono do casarão que pertenceu à família do cel. José Caetano Borges, na Tristão de Castro, foi um erro. Adquirido pela prefeitura no governo Anderson Adauto, o importante imóvel foi ocupado, em pouco tempo, pela Fundação Cultural. Logo foi trocado pela casa dos Furtado, na Rui Barbosa.
• Enquanto esteve em mãos da antiga proprietária, a casa estava “um brinco”. As pinturas parietais de artistas italianos dos anos 20, eram símbolo da riqueza propiciada pelo primeiro ciclo do zebu. O tempo em que Uberaba também se projetar como Metrópole Imaginária, no dizer do historiador André Azevedo.
• Se os custos de sua restauração são altos, deixar o prédio trancado, como se quisesse esconder o quadro caótico em que se encontra, só faz avançar o processo de deterioração. Abrir portas e janelas, varrer e limpar, fazem a casa “respirar”. Em morada fechada, os estragos são muito maiores.
Nem tudo são flores no campo da cultural, mas 2019 está apenas começando. O ano chega impulsionado por ânimo e governo novo. Há recursos propiciados por leis federais e estaduais de incentivo e dos quais não podemos abrir mão para conservar o solar. Se as verbas são aquém das solicitadas pelos restauradores, há de haver consenso para que o solar não se perca no abandono.
• O jogo é Levantar a bola e enfrentar o adversário (deterioração) cara a cara. O campo é grande, a trave distante e é preciso correr muito para marcar esse gol tão desejado por nossa cultura patrimonial.

TAPETE VOADOR

• Faz bem – Embora tenha residido por Rio de Janeiro e ainda mantenha residência lá, é visível o bem que a cidade e suas praias fazem à amiga Cilene Vincenzi. Ela acaba de chegar do réveillon na Cidade Maravilhosa, renovada física e espiritualmente.
• Pânico geral – A cidade amanheceu, ontem, em pânico, com cobrança de estacionamento em ruas residenciais e próximas a hospitais. Pouco feliz 2019 para todos nós. Uma voz (Luiz Gonzaga de Oliveira) ecoou nas redes sociais, acordando para o problema.
• Ironia boa – “A caneta Bic de Teresa Cristina, ministra da Agricultura, tem mais tinta que a da maioria dos ministros civis”. – Elio Gaspari.
• Peter Pan – Excelente o artigo do psicoterapeuta Fernando Vieira Filho, “Homens-Meninos – A Síndrome de Peter Pan”, publicado no JM, dia 4/1. O tema, pouco abordado, trata de adultos que se recusar a deixar de serem meninos. Leia ou releia no sitewww.jmonline.com.br . Um assunto que merece ser levado em consideração.

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia