Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
POLTICA
Tamanho do texto: A A A A
21/10/2017

Militares vo CMU falar sobre o Proerd, que j atendeu mais de 70 mil estudantes

Compartilhar:

Rodrigo Garcia/CMU


Sargentos Andréa Oliveira Alves e Rogério Cruz Patrício durante apresentação na Câmara Municipal

Representantes do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) estiveram na Câmara Municipal para falar sobre o mesmo, que é desenvolvido na cidade há 14 anos. Os sargentos Andréa Oliveira Alves e Rogério Cruz Patrício foram convidados pelo vereador Agnaldo Silva (PSD).

O Proerd surgiu nos Estados Unidos em 1983, com o nome de Drug Abuse Resistence Education (Dare), sendo implantado em 1992 pela Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro. Aos poucos se espalhou pelo país e hoje é adotado em todo o Brasil. Atualmente os currículos são divididos da seguinte forma: educação infantil e anos iniciais do ensino fundamental; 5º ano do ensino fundamental; 7º ano do ensino fundamental; e para os pais/responsáveis.

Em Uberaba o programa foi iniciado em 2003. A sargento Andréa explicou que os professores passaram por um programa de capacitação na cidade de Betim (MG). Ela também destacou a importância do papel do professor. “O professor é o pai de todas as profissões, ele trabalha com o coração, com a certeza de que vai influenciar nas vidas das pessoas”, afirmou.

De acordo com a policial, ela e o sargento Patrício estão na atividade há dois anos, realizando um convívio constante com as crianças, que acabam, inclusive, fazendo confidências. Dentro do programa eles atuam mais com alunos do quinto ano, na faixa etária entre nove e dez anos. Ainda segundo a militar, mais de 70 mil alunos foram atendidos durante os 14 anos do Proerd na cidade (estendido aos municípios de Água Comprida e Delta).

O sargento Patrício lembrou que hoje a droga é a maior responsável pelo alto índice de criminalidade. “Nós trabalhamos com a autoestima, para que saibam tomar uma decisão, pois, caso contrário, aliciar uma criança de dez, doze anos, acaba se tornando fácil”, disse o PM. Para ele, são pontos importantes, pois plantam uma sementinha e têm colhidos bons resultados. “O que for plantado hoje, teremos resultado daqui a cinco, sete anos”, explicou Patrício.

O programa é semestral, período em que são realizados dez encontros, e, no final, a formatura. O sargento explicou que a demanda é grande, mas estão atendendo a todas as escolas que abriram as portas. Neste semestre são aproximadamente 2,2 mil alunos, enquanto nos primeiros seis meses foram atendidos 2,3 mil estudantes.



OUTRAS NOTCIAS


Cmara retoma votaes em plenrio com meta de limpar a pauta de 2017 (22/11)
Municpio faz novo parcelamento com Ipserv para obter certificado (22/11)
rea da fazenda Cassu escolhida para implantar o cemitrio-parque (22/11)
Delegado admite estrutura defasada, mas nega fechamento (22/11)
Lerin revela estudos da Receita para fechar a delegacia local (22/11)
TRF2 ordena nova priso de Picciani, Melo e Albertassi aps deciso da Alerj (21/11)
Tribunal nega absolvio sumria de Marisa Letcia (21/11)
Pesquisa revela que 59% das empresas investiram em compliance aps a Lava Jato (21/11)
Guardas municipais e de trnsito vo poder ter aposentadoria especial (21/11)
Greve dos Tcnicos Administrativos da UFTM permanece por tempo indeterminado (21/11)
Porta-Voz traz novas nomeaes de concursos pblicos (21/11)
Prorrogada MP que facilita renegociao de dvidas com a Unio (21/11)
Pesquisa do Unicef aponta que 82% das crianas do Brasil temem a violncia (21/11)
Senado pode votar hoje voto distrital misto e mais recursos para a sade (21/11)
Negros ocupam apenas 4,7% dos cargos de liderana nas empresas, indica pesquisa (20/11)
Municpio quer trocar rea com a Ceasa para construir complexo poliesportivo (20/11)
Comisso da ALMG garante a inadimplente receber diploma (20/11)
PMU reconhece dvida com Ipserv e parcela R$ 3 milhes em 60 meses (20/11)
FGV vai usar expertise para captar investidor privado (20/11)
Grupo que tenta salvar planta de amnia inicia trabalhos amanh (20/11)




EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
A pouco mais de dois meses antes do fim do prazo, cerca de metade dos uberabenses ainda no fez o cadastramento biomtrico. Quem no realizar o procedimento ter o ttulo cancelado. Voc j fez o seu?





JM FORUM
Com a aproximao da Black Friday (24/11), muitas empresas esto divulgando descontos para atrair os consumidores. Como voc pretende aproveitar as oportunidades?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017