Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
POLTICA
Tamanho do texto: A A A A
Thassiana Macedo - 19/05/2017

TRE marca eleies suplementares para escolha do novo prefeito de Campo Florido

Compartilhar:

O Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) marcou para o dia 2 de julho as eleições suplementares para prefeito e vice no município de Campo Florido. As eleições foram definidas após aprovação pela Corte da resolução, publicada na última quarta-feira (17) no Diário de Justiça eletrônico. Em menos 10 anos, esta é a segunda vez que um prefeito da cidade é afastado do cargo por irregularidades na gestão.

De 24 a 29 de maio, os órgãos partidários poderão se reunir em convenções para deliberar sobre a escolha dos candidatos. Após a escolha em convenção, o candidato que será registrado, caso ocupe cargo gerador de inelegibilidade, deve afastar-se no prazo de 24 horas.

No dia 1º de junho, às 19h, será encerrado o prazo para entrega dos pedidos de registros dos candidatos à Justiça Eleitoral. A partir do dia 2 de junho, os candidatos podem iniciar a propaganda eleitoral, regulamentada pela Resolução nº 23.457/2015, que cuidou das regras relativas à propaganda nas Eleições/2016, e pela Lei nº 9.504/1997.

Em 2 de julho, os eleitores que voltam às urnas são aqueles inscritos no município até o dia 1º de fevereiro de 2017. As eleições serão das 8h às 17h, com as mesmas mesas receptoras de votos constituídas para as eleições que aconteceram em outubro de 2016. A diplomação dos candidatos eleitos deve ocorrer até 21 de julho. A partir do dia 1º junho até a proclamação dos candidatos eleitos, o cartório eleitoral funcionará das 12h às 19h, nos dias úteis, e das 13h às 19h, aos sábados, domingos e feriados.

Vale lembrar que, em 26 de abril, a juíza da 326ª Zona Eleitoral de Uberaba, Andreísa de Alvarenga Martinoli Alves, determinou o afastamento do prefeito Ronaldo Castro Bernardes e solicitou que o presidente da Câmara Municipal, Sebastião Arlindo Pereira, assumisse o cargo executivo interinamente. A determinação foi baseada em decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que deferiu, por unanimidade, recurso do Ministério Público reconhecendo a inelegibilidade do político pela desaprovação das contas municipais de gestão nos anos de 2003 e 2004.



OUTRAS NOTCIAS


Em meio a crise, Temer troca comando do Ministrio Justia (28/05)
Servidores do Judicirio, Legislativo e Ministrio Pblico tm aumento aprovado (28/05)
Assembleia aprova projeto de anistia aos servidores grevistas da Educao (28/05)
Uberaba envia documentos para Mapa do Turismo Brasileiro (28/05)
Comisso de Meio Ambiente prope debate sobre descarte de pneus (28/05)
Piau desafia novo presidente do PT a indicar obras paradas (28/05)
PMU cancela de novo licitao da gesto do estacionamento rotativo (28/05)
Assembleia mantm vetos de Pimentel a projeto de Parcerias Pblico-Privadas (27/05)
Com novo parcelamento de dbitos, cidade tem regularidade previdenciria (27/05)
Servidores da Cmara tentam nova negociao antes de greve (27/05)
Aumento de pedgio na BR-050 tem resistncia no Legislativo municipal (27/05)
PMU divulga lista com mais 77 convocaes de concursados (27/05)
Populao definir recurso de cada prefeitura para Hospital Regional (27/05)
Sindicalista afirma que violncia em Braslia no partiu de manifestantes (26/05)
Prefeitos querem derrubar veto de Temer partilha de recursos do ISS (26/05)
Piau pede a deputados incluso de rodoanel e viadutos no oramento (26/05)
Procuradoria diz que 1 escalo recebeu ajuda de custo s em dezembro (26/05)
MP instaura inqurito para ver se reajuste para secretrios foi legal (26/05)
Prefeitura garante manuteno do plano de sade para os servidores (26/05)
Cmara Municipal promulgou nova lei do calendrio popular da cidade (25/05)




Boulevard
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
Prxima ao fim, a campanha de vacinao contra a Influenza teve baixa adeso no s no estado, como tambm em Uberaba. Na sua opinio, a que se deve a pouca procura?






JM FORUM
Recentes delaes da JBS colocam polticos uberabenses na mira da propina. Qual a sua avaliao sobre os supostos recebimentos ilegais por parte dos delatados?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017