JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 21 de julho de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Observatório Urbano pretende prestar consultorias em setores do Plano Diretor

A arquiteta da UFTM, Veruska Bichuetti, lembrou que o Plano Diretor é revisto a cada dez anos

12/07/2019 - 00:00:00. - Por Marconi Lima

Grupo “Observatório Urbano”, formado por docentes, técnicos e discentes de graduação e pós-graduação, com formações em áreas diversas como engenharia, arquitetura e geografia, vai acompanhar as discussões sobre a revisão do Plano Diretor do município, que está em tramitação na Câmara Municipal de Uberaba (CMU). 

Após encontro com vereadores, o engenheiro civil e professor da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), Antônio Carlos Evangelista, explicou que, após realizarem consulta pública no material divulgado pela Prefeitura, percebeu que não sabiam o que constava no Plano Diretor e o que seria extinguido.

“A universidade tem capacidade técnica de fazer uma parceria para prestar consultoria em várias áreas”, afirmou o professor, destacando temas como meio ambiente e loteamentos, por exemplo.

Segundo Antônio Carlos, a intenção é discutir e formatar as propostas, inclusive com as participações de representantes da Uniube e Instituto de Engenharia do Triângulo Mineiro (IEATM), instituições que podem contribuir e agregar valor ao território.

A arquiteta da UFTM, Veruska Bichuetti, lembrou que o Plano Diretor é revisto a cada dez anos. “Eu acredito que seja uma oportunidade para traçar estratégias para médio e longo prazos”, acrescentou.

De acordo com a arquiteta, paralelamente às discussões, o grupo foi montado para analisar as consequências futuras e os impactos da legislação. Veruska disse que o objetivo é expor as informações técnicas aos vereadores, com a proposta de que o ‘Observatório’ caminhe junto com o Legislativo. 

Segundo a arquiteta Veruska, o grupo pretende fazer a leitura do Plano como um todo, e não defender propostas específicas de cada universidade. O geógrafo e mestre em arquitetura Leonardo José Silveira, representando a UFTM, comentou que pretendem passar conhecimento para os vereadores, pois existem muitos termos técnicos.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia