Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
POLTICA
Tamanho do texto: A A A A
Gisele Barcelos - 16/04/2018

Maioria das prefeituras recorre ao Refis para oxigenar finanas

Compartilhar:

Mais de 50% das prefeituras brasileiras recorreram ao Refis para melhorar arrecadação.  O número foi apontado em pesquisa divulgada este mês pela CNM (Confederação Nacional dos Municípios). O levantamento reuniu informações de 1.961 administrações municipais, o que representa mais de 35% dos 5.568 municípios brasileiros.

Do total de entrevistados, 1.026 afirmaram ter promovido programa de refinanciamento de dívidas. Desses, 88,6% já haviam regulamentado a medida com aprovação de lei pela Câmara Municipal de Vereadores. Apenas cem municípios não estavam com a lei em vigor: 47% estavam elaborando a legislação, 37% aguardando aprovação do Legislativo e 9% estavam para ser sancionados.

O Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e o Imposto Sobre Serviços (ISS) são os tributos que mais estocam a dívida ativa. Conforme a pesquisa, o IPTU é o tributo mais inscrito em dívida em um total de 1.372 municípios, o que representa 83,6%. Já em 123 municípios (7,5%) é o ISS.

Segundo o estudo da CNM, débitos com naturezas diferentes estão incluídos nos Refis, dentre eles: Imposto para transmissão de Bens Imóveis Intervivos (ITBI), taxas, multas e contribuições de melhoria. Dos municípios pesquisados, 1.642 afirmaram possuir receita estocada e 257 sinalizaram eficiência de arrecadação com a execução de políticas de incentivo.

Dos municípios entrevistados, 46,9% não adotaram o refinanciamento de dívidas, mas utilizaram outras medidas para obter novos recursos. No caso da cobrança da dívida ativa, as alternativas variam entre Refis, Execução fiscal, Protesto da Certidão de Dívida Ativa (CDA), Inscrição dos inadimplentes em serviços de proteção ao crédito (Serasa E SPC) e conciliações extrajudiciais. Dessas, as mais adotadas são: execução fiscal e Refis, sendo que muitos adotam mais de uma medida.

Em Uberaba, a Prefeitura está com Refis em andamento apenas para dívidas em fase de cobrança judicial. O prazo para adesão vai até setembro.  Para o pagamento à vista, o desconto é de 90% do valor de multas e juros. No caso de parcelamento, o percentual de desconto varia de 60% a 80%.

Até o início de abril, 264 contribuintes aderiram ao Refis Judicial, num total de R$981.011,71. Após o prazo para regularização, as dívidas ainda existentes serão encaminhadas para protesto em cartório.



OUTRAS NOTCIAS


Empreendimentos de Economia Popular Solidria em Minas Gerais crescem (23/04)
Compras so um grande desafio do Poder Pblico, afirma Luiz Dutra (22/04)
ALMG deve agilizar votao da PEC que trata do piso na Educao (22/04)
Taxistas e mototaxistas podero usar veculos com at 7 anos de fabricao (22/04)
PMU libera primeiro lote das emendas parlamentares 2017 (22/04)
Prefeito espera resposta positiva da MGO quanto obra de viaduto na 050 (22/04)
Sem presidncia, Cohagra alvo de disputa de partidos, diz Piau (22/04)
Por falta de interessados, CMU cancela licitao para comprar bandeiras oficiais (21/04)
Procurador diz que concessionrias das BRs esto descumprindo contratos (21/04)
TCE comea a receber dados para o ndice de Efetividade da Gesto (21/04)
Uberaba a primeira cidade a pleitear recursos para escolas em novos bairros (21/04)
Sem condies de interferir, Piau acredita na volta de Tony ALMG (21/04)
Consultoria para elaborar plano do Intervales estimada em R$ 539 mil (21/04)
Uberaba ganha 3 posies no ranking de saneamento e ocupa a 10 colocao (20/04)
No plenrio, vereadores propem movimento contra medida (20/04)
Lideranas tentam convencer empresa a instalar Centro de Solues em Uberaba (20/04)
Piau contesta junto Mosaic a ida da gesto para Uberlndia (20/04)
Toffoli nega pedido de Dirceu para evitar priso aps 2 instncia (20/04)
Conselho de tica Pblica do Estado pode ser referncia para rgo local (19/04)
Empresa interessada em operar cemitrio apresenta documentos (19/04)




San Marco - 20 abril
EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje
SINTONIZE

ENQUETE
Coronel Peres, titular da 5 RPM, falou a empresrios na semana passada, afirmando que a criminalidade diminuiu 42% no primeiro trimestre do ano (comparativo a igual perodo em 2017). Voc sente esta queda no dia-a-dia?




JM FORUM
Na sua opinio, o que leva as grandes empresas a diminurem suas participaes em Uberaba ou at mesmo a deixarem a cidade?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018