JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 17 de junho de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍTICA

Dnit libera contratação de 4ª colocada para obras de travessia

Equipe jurídica do município já está analisando a documentação da empresa; expectativa do secretário de Obras é a contratação imediata da substituta

- Por Gisele Barcelos Última atualização: 14/01/2018 - 11:46:12.

Jairo Chagas


Travessia de pedestres entre os bairros Gameleiras 3 e Valim foi interrompida com 85% de execução

Dnit libera Prefeitura para contratar quarta colocada para assumir obras de travessia urbana em Uberaba. Equipe jurídica do município já está analisando a documentação da empresa. A expectativa do secretário municipal de Obras, Nagib Facury, é a contratação imediata da substituta. O engenheiro afirma que, se não houver problemas com a documentação e a empresa não recuar, a assinatura do novo contrato será feita até o fim do mês. “Nesse mês de janeiro, eu acredito que possamos estar com a empresa contratada e apta para entrar no canteiro de obras”, salienta.

O secretário afirma que será feita uma readequação das planilhas de custo para priorizar a execução das obras inacabadas do pacote de travessia urbana. “Vamos utilizar o recurso estritamente em função do que a gente entende que é urgente nessa obra, que é a passagem inferior na BR-050 e a travessia de pedestres da Copervale. Queremos também tentar incluir uma intervenção para resolver um problema sério do Jardim Maracanã relacionado a águas fluviais”, posiciona.

As obras de travessia urbana estão paradas desde o início do ano passado. A Integral, empresa responsável pela execução do projeto, enfrentou dificuldades financeiras e abandonou o canteiro. Com isso, a Prefeitura acionou as outras construtoras classificadas na licitação. A segunda e a terceira colocadas recusaram a proposta de concluir o restante das obras. A quarta coloca manifestou interesse, mas havia dúvidas se a contratação seria aceita porque a empresa mudou de nome desde a realização do processo licitatório.

Com a paralisação do serviço no ano passado, a passagem inferior na BR-050, entre os bairros São Cristóvão e Recreio dos Bandeirantes, está inacabada. Desvios foram feitos na rodovia para não prejudicar o trânsito no local. Além disso, a construção da travessia de pedestres entre os bairros Gameleiras 3 e Valim de Melo foi interrompida com 85% da obra executados.

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia