Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
POLTICA
Tamanho do texto: A A A A
Gisele Barcelos - 21/04/2017

Processo administrativo da PMU apura irregularidades nas UPAs

Compartilhar:

Arquivo

 

Prefeitura abre processo administrativo contra a Pró-Saúde para apurar possíveis irregularidades no gerenciamento das UPAs (Unidades de Pronto-Atendimento). A medida será formalizada em decreto publicado no Porta-Voz que entra em circulação neste fim de semana. A abertura do processo administrativo foi embasada em dados de sindicância realizada pela Controladoria Geral do Município para verificar o cumprimento das exigências contratuais pela organização social que assumiu a gestão das UPAs em 2015.

Conforme o procurador-geral do município, Paulo Salge, na próxima semana a equipe estará focada na análise da documentação apresentada pela sindicância. Em paralelo, será aberto o prazo de defesa para a manifestação da Pró-Saúde. “Tão logo a entidade apresente as devidas justificativas, vamos emitir o parecer jurídico conclusivo e repassar ao prefeito. Estimo que de 15 a 30 dias nós teremos uma decisão [sobre a continuidade do contrato com a entidade]”, posiciona.

Salge declara que a abertura do processo administrativo não representa o encerramento do contrato com a Pró-Saúde. Segundo ele, o município não fará prejulgamento. “Não vamos emitir qualquer juízo de valor no momento. O trabalho será pautado frente aos princípios da impessoalidade, razoabilidade, justiça e da legalidade. Não temos como afirmar agora se o contrato será rescindindo ou não. Até porque, se existir anomalias, serão avaliados graus de penalidades. Vamos apurar com neutralidade e pautados na lei”, reforça.

No decreto que oficializa a abertura do processo, a Prefeitura citou elementos constantes na sindicância, recomendações ministeriais, reclamações de ineficiência, notícias como greve de funcionários e médicos, entre outros fatores que indicam comprometimento da continuidade de prestação de serviços públicos. O documento destaca ainda que a abertura do processo tem o embasamento devido legal, pois cabe à administração municipal exigir efetivo e eficaz cumprimento dos referidos serviços.

A assessoria de imprensa da Pró-Saúde foi acionada para se manifestar sobre o caso. Por meio de nota, a OS disse desconhecer a existência de decreto da Prefeitura de Uberaba referente à abertura de processo administrativo contra a entidade. “E informa que irá aguardar notificação oficial para que, diante de seu conteúdo, responder às questões pertinentes”, finaliza a nota.

A sindicância realizada pela Controladoria também já resultou na intervenção da Secretaria de Saúde dentro das UPAs. Desde a semana passada, equipe técnica está monitorando in loco o serviço. O grupo fará o acompanhamento pelos próximos 90 dias e apresentará um relatório que servirá de base para o prefeito Paulo Piau (PMDB) definir o destino do contrato com a organização social.



OUTRAS NOTCIAS


Revitalizao troca rotatria por semforos na Alexandre Barbosa (17/01)
Sindicato flagra servidores sem equipamentos de proteo (17/01)
PMU confirma tendncia de aumento; resultado geral no est pronto (17/01)
IPTU antecipado arrecada R$ 4,2 milhes para a Prefeitura (17/01)
Agentes denunciam manipulao para camuflar risco de epidemia (17/01)
Conselho do TSE se rene novamente para combater as fake news na eleio (16/01)
Sancionado, oramento do Estado tem dficit de mais de R$ 8 bilhes (16/01)
Prefeito tira frias e reforma do secretariado fica para depois (16/01)
Uberaba no confirma dengue nos primeiros dias do ano (16/01)
Chuva no d trgua e atrasa concluso do primeiro LIRAa (16/01)
MPF pede 386 anos de recluso para Eduardo Cunha e 78 anos para Henrique Alves (16/01)
Justia Federal nega recursos e mantm suspenso da posse de Cristiane Brasil (16/01)
PF indicia ex-prefeito de SP Fernando Haddad por irregularidades em campanha (15/01)
Justia Federal do Rio recebe mais uma ao contra nomeao de Cristiane Brasil como ministra (15/01)
Frum Melo Viana passa por correio durante o ms de janeiro (15/01)
Administrao alerta para prazo de regularizao de imveis com desconto (15/01)
Arte Solidria volta atividades com apresentaes nas UPAs (15/01)
Petrobras discute retomada da planta de amnia em Trs Lagoas (15/01)
Educao promove encontro com equipes escolares a partir de hoje (15/01)
PMU prorroga mais uma vez prazo para concluso das obras do BRT (15/01)




EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
Aps anunciar que o IPVA poderia ser parcelado somente na capital, Detran/MG estendeu a forma de pagamento ao interior, inclusive Uberaba, que tem dois postos credenciados. Voc pretende aproveitar e parcelar o pagamento?






JM FORUM
PMU conseguiu financiamento para construir viaduto na rotatria do Parque Fernando Costa e o edital dever ser lanado em breve. Contudo, a obra divide opinies. Voc acredita que o viaduto trar benefcios prticos ao trnsito no local?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2018