JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 17 de junho de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

POLÍCIA

Polícia Militar recupera carga de defensivos agrícolas avaliada em R$ 700 mil

De acordo com informações apuradas pela reportagem, o caminhão foi tomado de assalto na região de Miguelópolis/SP

15/04/2019 - 16:40:12. - Por Tulio Micheli Última atualização: 15/04/2019 - 17:48:53.

Foto/Jairo Chagas

Carga de defensivos agrícolas avaliada em aproximadamente R$700 mil foi recuperada pela Polícia Militar na tarde desta segunda-feira (15), na estrada da Biquinha, vicinal que dá acesso à Penitenciária Professor Aluízio Ignácio de Oliveira, em Uberaba.

De acordo com informações apuradas pela reportagem, o caminhão foi tomado de assalto na região de Miguelópolis/SP. A carga estava sendo entregue em estabelecimentos da região quando o motorista foi surpreendido pelos bandidos. Até o fechamento desta edição, o condutor do caminhão não havia sido localizado. Existe a possibilidade do mesmo ter sido abandonado pelo trecho.

Ao sair da rota, a empresa responsável pelo rastreamento do veículo acionou a Polícia Militar.

Após informações obtidas pelo serviço de inteligência da PM, militares chegaram até uma chácara no referido endereço. No local os policiais flagraram três homens realizando o transbordo da carga e colocando os produtos dentro de um cômodo. Além dos defensivos, foram encontrados vários pneus que, provavelmente, também são produtos de roubo em data passada.

No local também foi encontrado um Corolla, de cor prata, com queixa de furto. Suspeita-se que este veículo e uma Parati, que também foi encontrada no local, provavelmente serviram de apoio para a quadrilha.

Os presos foram surpreendidos com uma arma de fogo, sendo uma pistola 380. Parte da quadrilha foi encaminhada para a delegacia de plantão e apresentada ao delegado.

A Polícia Civil também presta apoio ao caso e já iniciou investigações e diligências na tentativa de localizar outros integrantes do bando, inclusive o proprietário da chácara onde a carga estava sendo escondida. 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia