JM Online

Jornal da Manhã 46 anos

Uberaba, 26 de março de 2019 -

BUSCAR EM TODAS AS SEÇÕES BUSCAR
Buscar

Falando de harmonia interior

O que é harmonia interior? Harmonia interior não é ausência de conflito, mas saber lidar com ele, sem se deixar dominar

21/02/2019 - 00:00:00. - Por Sandra de Sousa Batista Abud

O que é harmonia interior? 

Harmonia interior não é ausência de conflito, mas saber lidar com ele, sem se deixar dominar. A existência humana é dinâmica e marcada por transformação, e não se deve temer as mudanças e as crises. A capacidade de tolerar dificuldades varia de acordo com as etapas da vida e o autoconhecimento torna essa tarefa menos complicada.

Torna-se necessário encontrar um sentido para a vida. Sem isso, o foco é perdido e a alegria e a esperança permitem que a doença se instale.  Pressionado por questões variadas, comumente o homem percebe que não fez o que realmente gostaria de ter feito. Esse descontentamento se manifesta no corpo, através da dor que deve ser interpretada. A dificuldade é fazer essa leitura. A ausência de sintonia com os próprios valores e anseios leva à perda de harmonia e, consequentemente, da saúde. Investir no autoconhecimento é sinal de honestidade consigo e com os outros.

A harmonia não pode ser entendida como a ausência de turbulências, sendo que a vida é caracterizada pela alteração constante de estados e processos. Na verdade, a harmonia é alcançada por meio da capacidade de lidar com as adversidades, e o equilíbrio é encontrado quando se consegue ir de um extremo a outro sem se perder. A harmonia é uma construção cotidiana, o que exige esforço, pois sempre há o risco de se deixar sucumbir em meio às dificuldades. A harmonia se manifesta na vida em suas várias possibilidades, inclusive nas sombrias, o que se percebe nas relações afetivas e familiares, onde faz parte da dinâmica estar juntos, romper, reatar. A experiência é de uma harmonia vibrante, que passa pelo choro, pelo riso, pela dor e pelo silêncio. A desarmonia traz a inquietação e, então, é possível respirar com tranquilidade, refletir sobre a situação e observá-la com distanciamento, enxergar a saída e prosseguir, lembrando que tudo tem seu final.

Aprender a identificar os pensamentos e emoções, os quais  impedem a vivência da alegria e da paz que residem dentro de nós, é de primordial importância nesse contexto. O ser humano está sempre preocupado em ser alguém, importando-se com o que os outros pensam, guiando-se por conceitos predeterminados. E é necessário aquietar a mente e abrir espaço para receber as mensagens que vêm do interior. Assim, é possível penetrar no campo das infinitas possibilidades do pensamento e das emoções. Essa percepção é fortalecida quando o momento presente é vivenciado, alcançando uma atenção plena. Não se pode lutar contra as emoções e os pensamentos.

Para viver com serenidade, é preciso treinamento espiritual, mental e físico. A harmonia interior não é uma conquista perene, e sim uma busca contínua. 

(*) Psicóloga Clínica
E-mail:
sandrasbabud@hotmail.com

 

Leia mais

DESENVOLVIDO POR Companhia da Mídia