Publicidade Rdio JM
Canais Facebook Twitter RSS RSS
Play Store App Store Estúdio Ao vivo
EDIÇÕES ANTERIORES:
 | 
BUSCA:     

 
CIDADE
Tamanho do texto: A A A A
Gergia Santos - 16/05/2013

Oito casamentos entre pessoas do mesmo sexo realizados na cidade

Compartilhar:

Conselho Nacional de Justiça (CNJ) emitiu resolução que obriga cartórios a celebrar o casamento civil e a converter a união estável homoafetiva em casamento. No Cartório de Registro Civil de Uberaba, a determinação já não é mais novidade, pois, desde quando foi aprovada pelo Supremo Tribunal Federal a liberação da união estável homoafetiva, já eram realizados casamentos de pessoas do mesmo sexo. Até o momento oito matrimônios já foram realizados na cidade.

A resolução foi aprovada pelo CNJ na terça-feira passada, sendo que os cartórios não poderão rejeitar o pedido de casamento civil de homossexuais, como acontece atualmente em alguns casos. E ainda visa a dar efetividade à decisão tomada em maio de 2011 pelo Supremo, que liberou a união estável homoafetiva. Segundo a escrevente do Cartório de Registro Civil de Uberaba, Maria de Fátima Silva, depois da aprovação no STF, alguns cartórios recusaram a concretização do casamento civil, o que não aconteceu por aqui, a norma foi seguida assim que aprovada.

“A Promotoria nos encaminhou a determinação logo após a aprovação no STF e desde então estamos realizando casamentos entre pessoas do mesmo sexo. Oito matrimônios já foram realizados na cidade, e é um procedimento simples, basta nos procurar, o tratamento é o mesmo com qualquer pessoa, independente da orientação sexual, não há por que ter preconceitos”, explica Maria de Fátima.

Portanto, para os interessados em se casar, sendo homossexual ou heterossexual, a documentação é a mesma. Para quem é solteiro, é preciso procurar o cartório com antecedência, em um prazo de dois meses ou no máximo de 45 dias antes do casamento, e apresentar as certidões de nascimento, documento de identidade e CPF (todos xerocopiados na mesma folha). Deve levar também endereço e data de nascimento dos pais, se forem vivos, ou data de falecimento e o local em que morreram. É preciso ficar atento quanto à documentação de quem é divorciado. Para mais informações, basta procurar o Cartório de Registro Civil, localizado na rua Vigário Silva, 166, das 8h às 17h.

Com relação ao número de casais que procuraram o cartório em busca de um casamento homoafetivo, de acordo com Maria de Fátima, não é grande. Ela percebe que alguns têm receio de procurar, mas afirma que não há nenhum tipo de preconceito, todos são atendidos como qualquer outro.



OUTRAS NOTCIAS


ExpoCigra Fiemg tem hoje teatro, Startup Talks e chef Felipe Bronze (21/10)
Cervejaria inaugura unidade no Parque das Amricas neste sbado (21/10)
Falta de energia no setor industrial do Maracan causa prejuzos (21/10)
Em 30 dias houve 70 autuaes de desperdcio de gua na cidade (21/10)
Transposio do rio Claro deve ser desligada com chuvas constantes (20/10)
Motoristas ficam confusos com mudanas na Marqus do Paran (20/10)
Combustveis continuam ficando mais caros nos postos uberabenses (20/10)
Projeto Domingo na Concha retornar dia 29 de outubro (20/10)
Uberaba recebe primeira edio do Zebu Ink Convention (20/10)
Cemig emite nota para explicar falta de energia por 12 horas a moradores (19/10)
Prefeitura e VLi assinam ordem de servio de passarela no Tita (19/10)
ExpoCigra desafia a crise, diz presidente da Fiemg Regional (19/10)
PMU antecipa obra de retirada de rotatria na avenida Joo XXIII (19/10)
Mudana no trnsito da Marqus do Paran deixa motoristas confusos (19/10)
Sagri vistoria estradas vicinais para o plantio da safra 2017/2018 (19/10)
Formulrio online permite populao sugerir solues para o desenvolvimento da cidade (19/10)
SMS visita escolas para ampliar vacinao contra HPV, trplice viral e meningite C (18/10)
Uberaba sedia 1 Congresso para discutir inovaes na medicina (18/10)
Queda de rvore no Parque das Amricas deixa moradores 12 horas sem energia (18/10)
Chuva de segunda adia mudana no trnsito da rua Marqus do Paran (18/10)




EDIÇÃO DE HOJE
Edição de Hoje

ENQUETE
Projeto de Lei elaborado pela PMU prope o pagamento de taxa para regulamentar a atuao do Uber no municpio. Voc acredita que esta uma medida eficaz para acabar com a queda de brao entre motoristas do aplicativo e taxistas?




JM FORUM
Recentemente, trs alunas de escolas municipais e estadual ficaram entre as melhores do mundo na final do Panamericano de Ginstica Acrobtica, nos Estados Unidos. Para a viagem, as ginastas contaram com patrocnio de empresas locais. Outros grupos no tm a mesma sorte, no entanto. Na sua opinio, o que falta para o setor privado incentivar os estudantes a irem alm das fronteiras?
Comentar


AS EMPRESAS DO GRUPO JM DE COMUNICAÇÃO
JM Magazine JM Online JM JM Extra JM Rádio Vitória
Todos os direitos reservados ao Jornal da Manhã © 2017